O russo Kirill “Likkrit” Malofeev conquistou o mundo com sua performance e espírito de liderança durante o Mundial 2016.

Com a Albux Nox Luna, Likkrit alcançou as quartas de final do Mundial, sendo um feito inédito para uma equipe do Wildcard. Mesmo realizando tal feito, Likkrit optou por deixar a Albus Nox e está até hoje sem time.

Veja: Confira a repercussão da classificação da Albus Nox pelo mundo

Foto: Riot Games

O jogador decidiu ir para a Coréia e realizar um “bootcamp” sozinho treinando na soloQ coreana. Ele comentou no dia 19 de dezembro que ficaria 2 semanas na Coréia:

Após 12 dias no país, o jogador finalmente alcançou o Challenger na Coréia:

O jogador ainda não revelou se pretende ficar por mais tempo no país e quais são os seus planos. Durante o tempo de bootcamp, Likkrit jogou bastante com o seu famoso Brand suporte na soloQ coreana. Após 68 jogos com o campeão, Likkrit está com uma taxa de vitória de 62%.

Veja: Confira as palavras de Likkrit após a classificação da Albus Nox Luna para as quartas do Mundial

Em entrevista ao Mais e-Sports, Likkrit também comentou sobre os brasileiros chamando ele de Wesley Safadão, clique aqui para ver mais.