Mousesports comemora título da ESL One NY após vencer Liquid por 3-2 (Foto: Reprodução/HLTV)

Nesse domingo, a ESL One New York 2018 chegou ao seu fim e o torneio foi fechado com chave de ouro. A grande final foi entre a mousesports e a Team Liquid numa série MD5 que teve os seus 5 mapas disputados e todos com grande dose de emoção, do jeito que os fãs de CS:GO gostam.

Com o título de um torneio importantíssimo e a premiação de 125.000 dólares em jogo, nenhuma das duas equipes ponderavam ceder à pressão do adversário. Com ambos times mostrando muita resiliência, a final da ESL One fora uma das mais emocionantes do ano.

A força dos dois finalistas foram postas à prova já no primeiro mapa, a Cache. Mesmo sendo a escolha dos norte-americanos, foi a mousesports quem saiu soberana no placar, nas duas metades. De forma apertada, a equipe de Tomáš “oskar” Šťastný venceu a primeira metade por 8-7 e a segunda por 8-5, totalizando em 16-12 e saindo à frente na busca pela taça.

Porém, nos mapas seguintes, as vitórias foram na direção oposta dos europeus. Com a Liquid conseguindo impor suas estratégias e estilo de jogo, a organização estadunidense venceu a Nuke e a Inferno, por 16-7 16-10 respectivamente, virando a série e ficando a um mapa de distância de se consagrarem campeões.

Dust 2, quarto mapa da série, foi o mais emocionante. Podendo ser o qual levasse a Liquid para a conquista do torneio, o time de Epitácio “TACO” Melo abriu uma vantagem gigantesca na primeira metade, a vencendo por 11-4, atuando como terrorista.
O problema para os norte-americanos se deu com a virada de lado, já que a mousesports repetiu o 11-4, empatou a partida e assim, a série foi para o overtime, onde os europeus conseguiram fechar a partida por 19-17.

O último mapa foi novamente apertado. Sem nenhum time sentindo a pressão do mapa decisivo, a Mirage teve seu início à favor para a mousesports, que venceu a primeira metade por 10-5. Na segunda metade, a equipe ganhou o round pistol e mesmo tendo perdido algumas rodadas, a AWP de Chris “chrisJ” de Jong brilhou e levou a equipe ao título do campeonato, vencendo o mapa por 16-8.

Com a conquista da ESL One NY, além da premiação de 125.000 dólares e a taça, a equipe faturou a entrada no circuito da Intel Grand Slam, disputando a premiação de 1.000.000 de dólares.

Veja também: Em série apertada, Astralis vence MIBR e é campeã; Confira último dia do torneio