Muitas equipes passam pelo problema de conseguir bons resultados em treinos mas não levar essa performance para o palco principal, e pensando nisso a 100 Thieves montou um centro de treinamento com um mini-palco, buscando simular a sensação de jogar no palco da LCS para seus jogadores.

100 thieves
Foto: Divulgação 100 Thieves

Em um vídeo mostrando toda a Gaming House da equipe, o CEO da equipe, Nadeshot, apresentou o novo espaço de treinamento da 100 thieves e comentou sobre o surgimento da ideia. De acordo com ele, após a péssima campanha (última colocação), a orniganização começou pensar em como ajudar os jogadores para o próximo split.

“Nós construímos um palco elevado. Temos iluminação de estádio, de modo que quando a equipe está sentada em casa e praticando todos os dias, eles estão tentando melhorar o máximo que podem. Esta é a mesma experiência que eles terão quando estiverem competindo nos estúdios da LCS”.

O espaço é todo iluminado com cores fortes e possui detalhes que indicam a posição de cada jogador. O treinador da equipe, Prolly, também comentou sobre o palco.

“Isso é ótimo! Eu acho que isso é algo que muitos times gostariam de ter, porque esse tipo de estrutura é algo que você sempre quis como coachs, para trazer seus jogadores para esse tipo de ambiente quando eles  pois um treinador é trazer seus jogadores para aquele ambiente quando eles não estão neste ambiente”.

A 100 Thieves está empenhada em fazer de tudo para garantir uma boa performance no segundo split deste ano. A equipe também fez a contratação do caçador alemão Maurice “Amazing” Stückenschneider. Outra mudança foi a saída de Huhi, que jogou apenas um split pela equipe. O jogador foi substituído pelo norte-americano Soligo, que era da equipe de base.

Você pode conferir o vídeo completo da 100 Thieves logo abaixo: