A Revista Forbes divulgou nesta terça-feira (5), sua segunda lista anual de empresas de Esports, que mostra as norte-americanas Cloud9 e Team SoloMid como as organizações mais valiosas do mundo no ramo.

A lista, que começou a ser publicada em 2018, trazia a C9 na liderança, valendo cerca de US$ 310 milhões, enquanto que a TSM valia em torno de US$ 250 milhões, com dados do ano passado. Já este ano, ambas as empresas deram um salto e estão empatadas na liderança, com valor de aproximadamente US$ 400 milhões. Confira o ranking completo:

Cloud9 –  400 mi

TSM – 400 mi

Team Liquid – 320 mi

FaZe Clan – 240 mi

Immortals – 210 mi

Gen. G – 185 mi

Fnatic – 175 mi

Envy 170 mi

G2 – 165 mi

10º 100 Thieves – 160 mi

11º NRG Esports – 150 mi

12º MisFits – 120 mi

13º OverActive – 120 mi

Em comparação com a lista divulgada no ano passado, TSM e FaZe foram as organizações que mais cresceram no período de um ano. A Team SoloMid cresceu US$ 150 milhões, enquanto que a FaZe sequer apareceu na primeira lista e já ocupa o quarto lugar em 2019.

A Cloud9 havia recebido um investimento de US$ 50 milhões em 2018 e já estava também na lista de futuras Startups  bilionárias. A TSM seguiu um caminho semelhante, tendo recebido rodadas de investimentos que totalizaram US$ 62 milhões. Em 2019, a Immortals foi quem recebeu uma grande rodada, cerca de US$ 30 milhões. Ela, inclusive, anunciou seu retorno à LCS em 2020.