Chaser quando defendia o escudo da Longzhu Gaming, na Coreia do Sul (Foto: Riot Games)

O sul-coreano Lee “Chaser” Sang-hyun foi anunciado nessa sexta-feira (18) como nova contratação da Red Canids. Essa foi a segunda movimentação da matilha nessa janela de transferências — a primeira foi a contratação de Caio “Loop” Almeida, negociado com a Pain Gaming.

O jogador será um reforço para a equipe no segundo split do CBLOL, que começa no dia 16 de junho. Ele defendeu a Fenerbahçe na Turquia no primeiro split de 2018, e tem em seu currículo equipes como a Dignitas, na LCS NA, e a Longzhu Gaming, na LCK.


Chaser já dividiu a posição com o atual caçador da Red Canids, Park “Winged” Tae-Jin, no time de base da Jin Air Green Wings. Na ocasião, foram campeões da Challenger Series coreana e se mantiveram em 6º lugar na LCK em revezamento.
O novo integrante da matilha fez um vídeo comunicando aos fãs que “não vê a hora de vir ao Brasil”. O recado foi publicado na conta oficial do Twitter da Red Canids:

 

“Oi, gente! Eu estou realmente ansioso para ir para o Brasil e estou indo. Go Red!”

Segundo o esports manager da equipe, Vicenzzo Vichiatti, a chegada de Chaser​ servirá
para suprir a saída de Nappon,​ aumentando assim o nível na jungle da matilha e trazendo ainda mais experiência ao elenco da RED.

Chaser é a terceira importação na Red Canids vinda da Coreia, região competitiva mais forte do mundo em League Of Legends, apenas esse ano. A equipe já conta com Kim “Sky” Ha-neul e Park “Winged” Tae-jin, destaques no primeiro split do CBLOL 2018.

Veja também: Tay deixa Pain Gaming e será top laner na INTZ