A janela de transferências volta a se movimentar após a decisão dos playoffs pelo primeiro estágio. Dallas Fuel e Florida Mayhem estão trazendo mais jogadores para seus elencos, sendo os únicos times que já fizeram contratações nesta mid-season.

Rascal

O CEO do Dallas Fuel, Mike Rufail, confirmou que está em negociações para contratar o DPS Kim “Rascal” Dong-Jun, do London Spitfire. Campeão do estágio 1 da Overwatch League com a equipe londrina, o especialista em DPS de projétil pode estar descontente com o pouco tempo de jogo que está tendo.

Segundo o Winston’s Lab, Rascal jogou por um total de 2:15:41 horas nesse primeiro estágio. Em comparação, os números dos DPS’s titulares da equipe são muito maiores: Profit tem 8:56:10 horas de jogo, enquanto Birdring, seu ex-parceiro de KongDoo Panthera, tem 10:44:48 horas jogadas.

Caso essa negociação se concretize, Rascal seria o quinto jogador a integrar o corpo de DPS’s de Dallas, que já conta com Timo “Taimou” Kettunen, Hyeon “EFFECT” Hwang, Brandon “Seagull” Larned e Dylan “aKm” Bignet, que também foi contratado nesta janela de transferências.

Sayaplayer, aWesome Guy e r2der

Imagem: Florida Mayhem

Após anunciar a contratação do flex tank Joonas “Zappis” Alakurtti, o Florida Mayhem trouxe três caras novas para compor elenco e comissão técnica: o DPS especialista em hitscan, Ha “Sayaplayer” Jung Wo, o main tank Kim “aWesomeGuy” Sung Hoon e o assistente técnico Hyun-Jin “r2der” Choi. Os três são provenientes da Meta Athena, equipe sul-coreana de Overwatch.

Respeitados na Coréia do Sul por chegar à semifinal da Apex Season 2 e por apresentar estratégias inusitadas, como esse flank diante da Lunatic Hai, os representantes da Meta Athena são os primeiros não-europeus a integrar o Florida Mayhem, que conta com quatro suécos, dois finlandeses e um belga.

Sayaplayer e aWesomeGuy vem para reforçar um elenco que ficou marcado no primeiro estágio por ser o menor da liga, com apenas seis jogadores à disposição, número mínimo estipulado pela liga. Em especial, aWesomeGuy reforça um setor muito carente da equipe, a posição de main tank. Florida Mayhem não tem um main tank de origem no elenco, CWoosh é um DPS de origem adaptado à função.

Veja também: Geguri é confirmada pelo Shanghai Dragons e será a primeira jogadora mulher da OWL

Fissure

Em situação parecida à do Florida Mayhem, o Los Angeles Gladiators é outro que procura reforçar seu elenco de sete jogadores nessa janela de transferências. Segundo reportagem da ESPN norte-americana, a equipe do brasileiro João Pedro “Hydration” Veloso de Goes Telles está negociando a contratação de Chan-Hyung “Fissure” Baek, do London Spitfire.

Foto: Blizzard Entertainment

Main tank da KongDoo Panthera/C9 KongDoo, equipe que contratou o elenco da GC Busan para, juntos, montarem o London Spitfire, Fissure também pode estar descontente com o pouco tempo de jogo que vem tendo como reserva no Spitfire. Enquanto Jae-Hui “Gesture” Hong, o titular da posição, tem 9:32:24 horas de jogo no primeiro estágio, Fissure jogou 2:19:54 horas, segundo o Winston’s Lab.

Fissure pode encontrar uma carga de jogo maior dividindo a função de main tank com Luis “Iremiix” Galarza Figueroa, único jogador da posição que o Los Angeles Gladiators tem em seu elenco.

A janela de transferências de mid-season da Overwatch League está aberta desde 11 de fevereiro, continuando assim até o dia 3 de março, quando começa o terceiro estágio da temporada. A janela de contratações de jogadores free agent foi aberta no dia 22 de janeiro e termina, também, em 3 de março. Os jogadores contratados nesse período estarão disponíveis para jogar a partir de 21 de fevereiro, quando tem início o segundo estágio.

Veja também: Geguri é confirmada pelo Shanghai Dragons e será a primeira jogadora mulher da OWL

Para se manter informado sobre tudo que acontece no mundo dos Esports e da Overwatch League, não deixe de seguir no Twitter o @maisesportsbr e o @owleaguebr.