Atun, jogador da Thunder Predator (Foto: Reprodução/Divulgação)

A peruana Thunder Predator foi desclassificada do torneio de acesso sul-americano ao The International 8, de DotA 2. A equipe foi punida por uso de Macro — o jogador Atun utilizou a vantagem indevida, que consiste em programar uma tecla para executar um combo de habilidades, com os heróis Haskar e Meepo nas séries da quinta-feira (21).

O time venceu as duas melhor-de-três contra Pain Gaming e SG e-Sports, e estaria na grande final se não fosse pela trapaça. Agora, as duas equipes brasileiras se enfrentam na chave dos vencedores (winner’s bracket), na sexta-feira (22), 14h, em busca da vaga na grande final, que também mudou de data — será no sábado (23), às 16h.

Quem perder entre Pain e SG jogará às 18h contra a Torus Gaming, perdedora da primeira chave, em uma última chance de disputar a final. O grande vencedor conquistará a vaga direta no The International 8, maior torneio de esports do mundo.

A investigação do uso de macro foi iniciada por fãs no reddit, que reuniram provas contra a Thunder Predator, e a punição foi oficializada por um dos administradores do torneio, Wykrhm Reddy.

Agenda dos playoffs – qualificatória sul-americana para o The International 8

22/06 – 14h – Pain Gaming vs SG e-Sports
22/06 – 18h – Perdedor vs Torus Gaming

23/06 – 16h – Grande final (TBD)

Veja também: Pro Circuit de DotA 2 terá classificatórias por região e possibilidade de troca de jogadores