Jogadores da Team Wild (Foto: Reprodução/Divulgação)

No último domingo (21), aconteceu o terceiro e último dia da GC Masters 2018. Foram 2 jogos realizados em formato MD1, decidindo os vencedores da Final Winner (W7M) e Final Lower (Team Wild), e a grande final MD3 entre os dois. A Team Wild surpreendeu e desbancou os favoritos da W7M Gaming, se consagrando a grande campeã da competição após vencer seus adversários por 2-0 na final do torneio.

Confira como foram os jogos do dia:

W7M Gaming x Team Wild (Final Winner)

No primeiro jogo do dia, válido pela Final Winner, pudemos ver uma prévia da grande final que ocorreria mais tarde entre as duas equipes. A partida aconteceu no mapa Inferno e a Team Wild, que começou de TR, rapidamente abriu 3-0 no placar após vencer o primeiro pistol e os anti-ecos seguintes.

A liderança não durou muito tempo, e a W7M logo deixou tudo igual em 3-3. Após uma troca de rounds entre ambas as equipes e o jogo estar empatado em 5-5, a W7M Gaming passou a ter o controle da primeira metade, e abriu uma vantagem de 10-5. Agora do lado CT, a Team Wild perdeu o segundo pistol e parecia estar caminhando para uma situação complicada, porém de forma surpreendente conseguiram vencer o eco seguinte e se recuperar na partida, chegando a estar perdendo por apenas uma rodada de diferença, com o placar em 12-11.

Vendo sua grande vantagem ser desfeita, a W7M acordou, e encaixou 3 rounds seguidos, chegando ao match- point com uma frente de 15-11. A Wild ainda lutou, e chegou a levar a partida para a última rodada, mas de nada adiantou, e a W7M venceu por 16-14. O vencedor do confronto foi direto para a grande final, enquanto o perdedor teria que jogar a Final Lower para chegar a decisão.

Team Wild x Imperial E-Sports (Final Lower)

Na segunda partida do dia, a Team Wild enfrentou a Imperial no mapa Dust 2. Começando de TR, a Wild logo se impôs sobre o seu adversário, conseguindo boas execuções nos bombsites, e abrindo logo de cara uma grande vantagem de 6-1. Aos poucos a Imperial foi encaixando seu jogo, e logo conseguiu empatar a partida em 6-6, porém por causa do inicio ruim, não conseguiu vencer a metade e terminou o half em desvantagem de 8-7.

Jogando agora de CT, a Team Wild deu um show de Counter Strike. Liderados por Dener “KHTEX” Barchfield, que terminou o mapa com 30 abates, a Wild só perdeu uma rodada em toda a segunda metade, e fechou o jogo por 16-8, carimbando sua ida a grande final contra a W7M.

W7M Gaming x Team Wild (Grande Final)

Diferente de todos os jogos que foram disputados no torneio até aqui, que foram em MD1,  a grande final foi disputada em formato MD3.

Escolha da Team Wild: Nuke
Escolha da W7M: Train
Decider: Inferno

No primeiro mapa da série, Nuke, a W7M Gaming começou do lado TR e venceu o primeiro pistol e os anti-ecos seguintes, abrindo 3-0. A Team Wild reagiu, e não só empatou o jogo em 3-3, como virou para 5-3, porém a W7M novamente deixou tudo igual em 5-5. Após a alternância de lideranças, a Wild finalmente quebrou o ciclo, e venceu a metade por 9-6. Jogando agora de CT a W7M não conseguiu vencer o segundo pistol e se viu em uma situação delicada, chegando a estar atras no placar por 12-6. A equipe liderada por Rafael “raafa” Lima até ensaiou uma reação, chegando a diminuir a desvantagem para 12-9, mas a Team Wild levou a melhor, e garantiu a vitória do primeiro mapa por 16-9.

No segundo mapa, Train, a W7M começou do lado CT e abriu 2-0 após vencer o primeiro pistol e o anti-eco seguinte. A Team Wild conseguiu empatar o jogo em 3-3, porém a W7M começou a tomar as ações da partida, abrindo uma boa vantagem de 8-4. A Wild se recuperou, e mudou de lado perdendo somente por uma rodada e um placar de 8-7. Jogando agora de TR, a W7M não conseguiu confirmar o segundo pistol, porém venceu o eco seguinte e tomou as rédeas da partida, chegando a abrir uma vantagem de 14-9 antes dos adversários pontuarem novamente. A Team Wild fez um comeback impressionante, e mostrando toda sua força, não só empatou o jogo em 14-14, como virou para 16-14, fechando o mapa e a série em 2-0,  se tornando os grandes campeões da GC Masters 2018. O destaque da final foi Lucas “destiny” Bullo, que terminou com um K/D geral de 51/30.

A campeã Team Wild garantiu a premiação de 4000 dólares, enquanto a W7M, vice, levou pra casa 2250 dólares.

Veja também: Confira como foi o segundo dia da Gamers Club Masters