De acordo com a UOL Jogos, a Riot Games está investigando um possível aliciamento da INTZ em Gustavo “SacyR” Rossi. O jogador está atualmente na reserva na Red Canids após a contratação de Felipe “brTT” Gonçalves.

Imagem: Pro vs Pro – Riot Games Brasil

O Mais e-Sports entrou em contato com ambas as organizações. O CEO da Red Canids Felipe Corradini disse que ainda não pode falar nada sobre o assunto e que todas as informações sobre o assunto serão passadas pela Riot Games.

Leia: “Queremos muito ser campeões do CBLOL”, diz dono da Red Canids

A assessoria de imprensa da INTZ e até este momento ainda não respondeu ao contato do Mais e-Sports.

Resposta da Riot Games

A assessoria de imprensa da Riot Games respondeu ao Mais e-Sports:

“A Riot Games informa que investiga todas as denúncias que recebe. Sempre que houver necessidade de penalizar alguma equipe ou jogador, o caso será publicado em br.lolesports.com. O principal compromisso da Riot Games é garantir o cumprimento das regras e políticas para manter a integridade do cenário competitivo.”

A politica anti-aliciamento

A política anti-aliciamento entrou em vigor há pouco tempo no Brasil. O primeiro caso foi o de Caio “Loop” Almeida. A paiN Gaming foi punida e não pode utilizar o jogador em competições oficiais da Riot Games durante um ano.

Esta publicação será atualizada com mais informações sobre o caso.