Até mesmo os jogadores profissionais tem partidas em que sofrem por serem campados. Foi o que aconteceu com o top laner da Red Canids, Leonardo “Robo” Souza, na segunda partida da série contra o CNB eSports Club disputada no último sábado (24). Diante da Fiora de Lep do CNB, Robo com seu Jarvan foi gankado, divado e chegou a estar 0/5, mas foi fundamental nas teamfights da Red Canids, que acabou saindo vitoriosa.

O Mais e-Sports falou com Robo sobre o matchup de Fiora contra Jarvan e sobre como ele conseguiu manter a cabeça no lugar, mesmo saindo tão atrás no confronto contra o top laner do CNB.

“Acho que o matchup não é tão difícil assim, acho que complicou bastante pelo fato de eu ter tomado muitos ganks, muitos dives, ter perdido muito xp e etc. Mas mesmo assim eu sabia que isso podia acontecer. Eu particularmente acho Fiora muito forte, eu sei a capacidade que o Champion tem e eu sabia que ela ia me divar mais cedo ou mais tarde, então eu só tava falando pro meu time que toda vez q tivesse Barão, a gente só lutaria, o Viktor seguraria a Fiora e foi basicamente isso, a gente foi segurando até o momento que ela é inútil numa luta e ela não consegue splittar, não consegue lutar, não consegue fazer nada e o campeão começa a ficar useless” explica Robo.

Top laner sofreu com os ganks e com a Fiora de Lep, mas saiu vencedor. Foto: Riot Games

O top laner ainda disse que não sabia muito o que esperar do confronto contra o CNB, já que nas palavras dele, “o time está totalmente em crise e dá para ver isso. Para mim era uma incógnita, achei que iam entrar com o Wos AD Carry, o Lep no mid, o TinOwns no top, sei lá, achei que iam meter o louco, mas não foi”. Ainda de acordo com Robo, o CNB deve acabar mudando ainda mais depois da derrota sofrida para a Red, pelo medo de cair e ficar em 8º lugar.

Já em relação a campanha da Red Canids neste 2º split do CBLoL, Robo afirmou acreditar que a Red enfrentou os três melhores times da competição nas três primeiras rodadas e que tem total confiança que sua equipe passará para os playoffs, juntamente com ProGaming, INTZ e paiN Gaming.

“Na minha opinião, jogamos contra os três melhores times nestas três primeiras rodadas, então acho que a gente tava ok com uma vitória, um empate e uma derrota, a derrota não agradou a gente porque estávamos com o primeiro jogo na mão, então poderia ter sido dois empates no mínimo. Mas tenho total confiança que meu time vai para os playoffs junto com ProGaming, INTZ e entre Keyd Stars e paiN, tenho bastante dúvida, mas acredito que tem um favoritismo para a paiN Gaming”, revela o jogador.

Questionado sobre as polêmicas declarações do treinador do INTZ, Lucas “Maestro” Pierre em relação a Red Canids, Robo preferiu não falar muito sobre o assunto, mas deu seu recado:

“Nós nem demos bola, ele foi infeliz no que ele falou (em relação a Red Canids não ser quem devia representar o Brasil no MSI) porque eles perderam de 3 a 1 de quem a gente ganhou de 3 a 0 na final, sendo que eles estavam muito abaixo da gente naquela época”, resumiu o top laner.