Kabum e PaiN Gaming se enfrentam pelo ultimo confronto da 5° semana do CBLOL 2017. A Kabum está em penúltimo lugar no e busca sair da parte de baixo da tabela e fugir do rebaixamento, enquanto que a PaiN busca ficar empatada com a INTZ na vice-liderança e ficar mais perto de conseguir sua vaga nos playoffs.

Um jogo sofrido

No começo do 1° jogo a Kabum conseguiu botar muita pressão no jogo, conseguindo first blood logo cedo aos 3 minutos de partida. Logo apos eles começaram a trabalhar suas rotações conseguindo abrir o mapa da paiN rapidamente, levando as torres em um ritmo muito rápido. A paiN conseguia boas respostas com torres, porem a composição com 3 atiradores da Kabum os favorecia em conseguir garantir os objetivos com facilidade.

A composição da paiN Gaming girava em torno de fazer boas lutas, mas a Kabum estava conseguindo ótimas respostas para nas tentativas de iniciações, principalmente com o Riyev conseguindo segurar muito bem as lutas com bons ultimates.

Foto: Riot Games

Aos 29 minutos depois de uma boa luta no mid, a Kabum consegue o primeiro barão da partida, e com isso consegue ganhar mais espaço de mapa levando torre no meio e torre no topo. Nesse momento do jogo eles já tinham uma vantagem de 7 mil de ouro e 4 dragões elementais sobre a paiN, e conseguem levar o inibidor da bot lane.

Aos 36 minutos a KAbum garante o segundo barão da partida, mas em uma boa luta da paiN eles acabam perdendo 3 jogadores. Aos 41 minutos a paiN Gaming consegue uma luta perfeita, eliminando 4 jogadores e conseguindo destruir seu inibidor. A esse ponto do jogo ela já mostrava a verdadeira força da sua composição quando bem encaixada.

Com 45 minutos depois de uma tentativa de barão por parte da Kabum, a paiN mais uma vez consegue fazer uma boa luta e eliminar todos os seus inimigos, conseguindo assim finalizar a partida.

Sai Kami e entra Rakin

Pela primeira vez na historia do CBLOL o Kami não jogou uma partida pela paiN no CBLOL, sendo substituído pelo Rakin que trouxe um leque a mais de estrategias para a equipe.

Kami sai para a entrada de Rakin Foto: Riot Games

No segundo jogo a paiN já mostrava um começo melhor, conseguindo colocar uma boa pressão de mapa com os ganks do Kha’zix e conseguindo garantir os objetivos. Diferente do primeiro jogo, aos 21 minutos eles já tinham conseguido 2 dragões elementais4 abates e 2 torres, situação que a deixava confortável para forçar lutas com a Kabum.

Aos 23 minutos a paiN força uma luta no meio e consegue 4 abates e a destruição da torre, conseguindo mais um dragão elemental logo depois. A postura da paiN estava totalmente diferente do primeiro jogo e a equipe conseguia encaixar boas lutas e controlar muito bem os objetivos, enquanto isso a Kabum não conseguia respostas e só olhava todo o seu mapa ser dominado.

Aos 28 minutos a paiN garante o primeiro barão da partida, e já se encontrava em uma situação muito confortável no jogo, com 8 mil de ouro a mais e um placar de 11 abates contra 2 da Kabum. O buff é usado para abrir a rota do meio e destruir o inibidor, partindo logo em seguida para o topo e conseguindo quebrar seu segundo inibidor na partida.

Foto: Riot Games

Aos 32 minutos a paiN Gaming consegue finalizar o jogo com facilidade, e assim empatar em pontos com a INTZ na tabela. A Kabum permanece em penúltimo lugar no campeonato.

Confira a cobertura completa do CBLOL 2017 com jogos, tabela, replays e muito mais aqui.