A Merciless Gaming, equipe que conquistou a vaga para o 2º split do Circuito Desafiante 2017 no início do mês de abril, recebeu duas propostas de empresas diferentes para vender a vaga na competição. A informação foi revelada por, Alessandro “Apoka” Marcucci, um dos donos da organização, com exclusividade para o Mais e-Sports.

De acordo com Apoka, a Merciless Gaming foi procurada por duas empresas que buscavam comprar a vaga para o 2º split do Circuito Desafiante 2017, uma semana após a conquista da mesma. Segundo ele, a proposta de 40 mil reais chegou até a organização por e-mail de uma das interessadas.

“Nós fomos procurados cerca de 7 dias depois de termos conquistado a vaga por dois representantes dessas empresas. Uma das propostas foi enviada por e-mail com valor de 40 mil reais e a outra nós já negamos a possibilidade de venda logo no início da conversa”, conta Apoka.

Apoka ainda disse que ter recebido a proposta de 40 mil reais não só o surpreendeu pelo valor, mas também pela promessa de estrutura para o futuro do time. No entanto, a Merciless Gaming resolveu declinar a oferta pois acredita muito em sua line-up de League of Legends, prova disso é a gaming house que a organização está montando para receber os jogadores durante a disputa do Desafiante.

“Apesar do alto valor e da promessa do comprador de ter uma boa estrutura para o time, nós resolvemos não vender já que nossa gaming house ficará pronta no dia 5 de maio e já no dia 6 os meninos chegam para começara a preparação para a disputa do Circuito Desafiante. Acreditamos que essa line-up é capaz de chegar no CBLOL e por isso optamos por continuar com a vaga no Desafiante”, afirma o dono da Merciless Gaming.

A line-up da Merciless Gaming é composta por:

Henrique “Pay” Monteiro – Top
Bruno “Sessh” dos Santos – Jungler
Eduardo “Aslan” Nunes – Mid
Guilherme “Mills” Conti – AD Carry
Antonio “Maynah” Araújo – Suport
Leonardo “Brav” Falcão – Coach