Conversamos com Pedro “LEP” Marcari, top laner da RED Canids Corinthians após a série de sua equipe contra a INTZ. Confira como foi a entrevista:

Se inscreva no canal do Mais e-Sports e não perca os próximos vídeos:

Instale agora o Battlerite

A RED Canids Corinthians é hoje o time mais forte do CBLOL?

LEP: A gente não fica pensando se somos o time mais forte ou não. O foco está sempre em melhorar. Semana após semana nos sempre melhoramos em comunicação, rotação, nossas transições de early para mid e para late game. Se nós melhorarmos muito como time podemos virar o time mais forte, mas não pensamos sobre isso.

Você jogou de Trundle hoje contra o Sion. Tem como falar um pouco sobre?

LEP: Jogar contra o Sion é chato pois ele está muito forte. Mas mesmo assim, tem alguns counterpicks como o Trundle que eu utilizei que consegue parar ele muito bem nas Team Fights, tanto com o pilar como com sua ultimate. Durante a fase de rotas também é bem tranquilo para o Trundle  que bota pressão em cima do Sion. Apesar dele ser um pick muito forte agora tem algumas escolhas que podem quebrar ele.
Nós usamos o Trundle para jogar contra o Sion, mas ele também é muito bom contra Sejuani. A gente conseguia parar o engage deles e ter um kiteback, uma fight slow muito boa. Então nós simplesmente lutávamos e íamos ganhando aos poucos. Chegava uma hora que eu dava um pilar atrás de uma Orianna e ela tinha que gastar o Flash se ela não tivesse o Flash ela iria morrer… Então a gente focava em matar a frontline dele e caso eu acertasse um bom pilar em um carregador como a Orianna a gente matava ele também.

Qual a vantagem de conseguir ir direto para a final do CBLOL?

LEP: Bom eu não sei tem muita vantagem. Eu sinceramente gosto de jogar as partidas. Eu acho que quando você fica jogando o campeonato você vê erros que não dá para ver no treino. Mas se a gente ficar em primeiro ou segundo vai ser muito bom pois vamos assistir os times jogando e talvez a gente consiga uma vantagem por assistir eles jogando antes.

Tem algum time que você quer enfrentar?

LEP: Bom eu acho que eu não tenho um time que eu queira jogar contra. Mas eu acredito que talvez a gente enfrenta a Keyd ou a ProGaming (se a gente ficar em segundo) e vai ser legal jogar contra um desses dois times pois acho eles times fortes.

Instale agora o Battlerite

O que você espera para o jogo contra a paiN?

LEP: Eu acho que a série da paiN vai ser bem difícil apesar da galera achar que a paiN está morta ou está fraca. Nós treinamos contra eles e sabemos que eles são muito bons. Eles tem uma característica forte de Team Fight então se não tomarmos cuidado vamos acabar perdendo. Vamos vir bem focados, não é porque já estamos na escalada que não iremos treinar focados para a paiN. Acredito que iremos vir para dar 2-0 neles.

*Entrevista realizada em parceria com Evelyn Mackus, repórter do Mais E-Sports.

Você pode conferir a cobertura completa do CBLoL 2018 com Tabela, data dos jogos e tudo mais, aqui no Mais e-Sports.

Veja também: Entendendo a Flâmula do Comando e como o item funciona