tiburci0 lamenta durante o duelo entre DETONA e Heroic nas finais da 9ª temporada da Pro League (Foto: HLTV)

Às finais da 9ª temporada da ESL Pro League terminaram para a DETONA Gaming. A equipe brasileira perdeu o segundo confronto consecutivo, contra a Cloud9, e foi eliminada na 15-16ª colocação, faturando US$ 14 mil.

A equipe de Vinicius “v$m” Moreira foi derrotada por 2 a 0, com 16-4 na Dust2 e 16-9 na Mirage.

Confira a cobertura completa das finais da 9ª temporada da ESL Pro League

Essa foi a segunda derrota consecutiva da DETONA. Mais cedo nesta terça-feira, ela já havia sido derrotada pela Heroic, na primeira rodada do Grupo A.

Agora, a expectativa é pelo confronto decisivo entre as também brasileiras MIBR e Luminosity Gaming. Depois de perderem nos primeiros confrontos, ambas se enfrentam pelo lower bracket do Grupo B nesta quarta-feira, às 7h.

O JOGO

No primeiro mapa da série, a Cloud9 não tomou conhecimento da DETONA. Começando como terrorista, a equipe brasileira marcou um ponto no quarto round, mas não foi capaz de fazer muito mais. Sem nem mesmo conseguir plantar a C4, os Pitbulls ficaram atrás no placar por 1-14.

A DETONA conseguiu alguns pontos após a virada de lados, mas ainda continuou distante da virada e acabou derrotada por 16-4.

Na Mirage, os brasileiros conseguiram se reencontrar e tiveram um bom começo, abrindo 5-2 no lado terrorista. A Cloud9 se recuperou na sequência, contando com René “cajunb” Borg inspirado para marcar oito rounds consecutivos e colocar o placar em 5-10 no intervalo.

Com atuação tímida na competição até aqui, Wesley “hardzao” Lopes finalmente apareceu. No pistol, o jogador conseguiu vencer uma situação de 1 contra 4 para conquistar o primeiro ponto CT da DETONA, que foi seguido por mais dois.

Apesar do bom momento, foi só. A DETONA mais uma vez sofreu um apagão e viu os adversários venceram cinco pontos de maneira ininterrupta, chegando ao match point. O mesmo foi defendido pelos brasileiros na primeira oportunidade, mas a Cloud9 conseguiu fechar o mapa e a série logo em sequência.