O CBLOL 2016 mal começou mas já está cercado de polêmicas. Hoje finalmente anunciou a Escalação do CBLOL 2016 é Divulgada!

Tivemos também uma tarde recheada de anúncios das outras equipes.

A INTZ Anunciou hoje que Jockster volta a atuar como o suporte do time. Já a Red agora se chama “Red Canils” e terá Ayel jogando na Top Lane. Fora isso temos várias novidades.

O jogador Loop que passou por uma série de casos nesse fim de ano não está inscrito no CBLOL 2016.

Leia: Jockster volta para a INTZ

Leia: paiN Gaming é punida por Poaching

Saudades do CBLoL? Ansioso para o início da nova temporada? É, ainda falta um tempo para voltarmos ao estúdio, mas você já pode ir testando seus poderes de previsão para imaginar como vai ser a Primeira Etapa do CBLoL 2016.

Já estão definidos os jogadores dos 8 times, com direito a técnicos e jogadores reservas, que vão disputar a Primeira Etapa. Quem é que leva essa?


Além da liderança de Nappon e Yoda, os Blumers contam com o professor e estrategista Djoko.

CNB e-Sports Club

O trabalho que enobrece
TOPO Franklin “Aoshi” Coutinho
CAÇADOR Carlos “Nappon” Rucker
MEIO Felipe “Yoda” Noronha
ATIRADOR Pablo “pbO” Bellini
SUPORTE Willyam “Wos“Bonpam
TÉCNICO Thiago “Djokovic” Maia
RESERVA Murilo “Gary” Choquetta (Topo)
RESERVA Ricardo “Richardoo” Tunes (Caçador)
RESERVA João “Marf” Piola (Meio)
RESERVA Daniel “danz0r” Mussoi (Atirador)

Na CNB, o trabalho não para. Se em 2015 o time não teve grandes resultados no CBLOL — 5º lugar em ambas as etapas — e pouco mexeu na escalação, nos bastidores a maquininha de produzir jogadores não parou de rodar. O programa de caça talentos Preparando Campeões resultou em três novos times de base (Dorans, Brutalizer e Trinity), que ajudam a turbinar o banco de reservas da CNB titular. Com mais entrosamento e experiência, Nappon e Yoda já se destacam como líderes, e mostraram evolução no CBLoL All-Star, em Goiânia, com grandes atuações.

Para Cleber Fonseca, diretor da organização, 2015 foi fundamental no amadurecimento do time. “Em 2015, todos os jogadores da CNB eram novatos na elite do League of Legends brasileiro e ao longo do ano, trabalhamos muito para que eles se entendessem a forma de jogar em alto nível. Apostamos em um trabalho de renovação a longo prazo, e em 2016 esperamos surpreender desde o começo da temporada e brigar pela primeira colocação.”

MUDANÇAS*

O atirador pBo assume como titular no lugar de Skyer, agora na g3X. O banco de reservas ganha reforço dos novos talentos.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2015 – Segunda Etapa.


A nova g3X vem com reforços importantes: Skyer (ex-CNB), Snowlz (ex-BigGods), Alocs (ex-INTZ) e Zantins (ex-INTZ Red).

g3nerationX

Encontro de gerações
TOPO Luccas “Zantins” Zanqueta
CAÇADOR Guilherme “Snowlz” Neves
MEIO Rodrigo “TaeYeon” Panisa
ATIRADOR Felipe “Skyer” Gimenes
SUPORTE Leonardo “Alocs” Belo
TÉCNICO Rafael “Transao” Mucidas
RESERVA Ygor “RedBert” Freitas
RESERVA Fernando “Chompy” Labres


Foi como um ult do Sion: explosivo, mas prestes a sair dos trilhos. A g3X subiu do Circuito Desafiante (onde era Keyd Warriors) e chegou ao CBLoL em 2015 apavorando, ganhando de favoritos, provocando dentro e fora de jogo. Mas o que sobrou de atitude faltou em controle, e o time chegou a ser penalizado e ter jogadores banidos. Mesmo assim, marcaram a Segunda Etapa do CBLoL com bons resultados e ótimas atuações de TheFoxz (atirador) e Professor (suporte), terminando em quarto lugar. Para 2016, eles contam com ninguém menos que Snowlz e Alocs, dois jogadores que viram o Lolzinho nascer no Brasil. Se a g3X conseguir controlar esse ult, é melhor sair da frente.

MUDANÇAS*

Os veteranos Alocs e Snowlz trazem a experiência como suporte e selva, respectivamente, e o atirador Skyer vem com a promessa de continuar suas boas atuações da época CNB.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2015 – Segunda Etapa.

Leia: Jockster volta para a INTZ

Leia: paiN Gaming é punida por Poaching


Os Intrépidoz estão de volta: depois de idas e vindas, a INTZ terá o mesmo time campeão do CBLoL 2015 – Primeira Etapa.

INTZ Team

The boys are back in town
TOPO Felipe “Yang” Zhao
CAÇADOR Gabriel “Revolta” Henud
MEIO Gabriel “tockers” Claumann
ATIRADOR Micael “MicaO” Rodrigues
SUPORTE Luan “Jockster” Cardoso
TÉCNICO Alex “Abaxial” Haibel
RESERVA Michael “Veteran“Archer
RESERVA Luan “SNK“Almeida
RESERVA Martin “Espeon” Gonçalves

Briga, separa, quebra a cara e volta? Exageros à parte, a INTZ teve uma história dramática em 2015. Venceram a Primeira Etapa do CBLoL, foram vice-campeões da Segunda e passaram por mudanças importantes no time. Quando tudo parecia acertado para 2016, com Revolta trazendo Loop da Keyd, mais mudanças: o suporte não faz mais parte do time. O resultado é que teremos de volta a “INTZ clássica”, os Intrépidoz que conquistaram a Primeira Etapa de 2015.

MUDANÇAS*
Depois de tentar Alocs (g3X) e Loop (sem time) na função de suporte, a INTZ traz de volta Jockster, e de repente você tem o time campeão do CBLoL 2015 – Primeira Etapa.
*Em relação ao time titular do CBLoL 2015 – Segunda Etapa.


Depois de quase ficar fora do CBLoL 2016, a Orange trouxe Matsukaze da KaBuM Black para fazer dupla com Zirigui.

KaBuM Orange

Por dias melhores
TOPO Pedro “LEP” Marcari
CAÇADOR Gustavo “Minerva” Alves
MEIO Thiago “Tinows” Sartori
ATIRADOR Pedro “Matsukaze” Gama
SUPORTE Pedro “Ziriguidum” Vilarinho
TÉCNICO Hugo “Galfi” Dantas
RESERVA Daniel “Danagorn” Drummond
RESERVA Daniel “Dans1” Dias

A KaBuM Orange luta contra a irregularidade. Depois de ser Campeã Brasileira em 2014, ficou na parte de baixo da tabela no CBLoL 2015 nas duas etapas e precisou disputar a Série de Promoção para se manter na elite. Eles têm talento e experiência, mas o que está faltando para voltar com os bons resultados? No CBLoL Pós-Temporada 2015 o time parecia renovado, e chegou à final após eliminar a Keyd. Será que o imortal Matsukaze pode reanimar os campeões brasileiros de 2014?

MUDANÇAS*

O atirador Matsukaze vem da irmã KaBuM Black para formar com Zirigui uma das duplas mais fortes (em teoria) do CBLoL. Fora do jogo, a KaBuM anunciou o técnico Hugo “Galfi” Dantas, além do apoio (à distância) de Peter Zhang, ex-técnico da Team Liquid.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2015 – Segunda Etapa.

Leia: Jockster volta para a INTZ

Leia: paiN Gaming é punida por Poaching


A Keyd 2016 soma a experiência de Takeshi e Jukkah com os novos talentos como Robo e esA.

Keyd Stars

Aprendizes de Takeshi
TOPO Leonardo “Robo” Souza
CAÇADOR Gabriel “Turtle” Peixoto
MEIO Murilo “takeshi” Alves
ATIRADOR André “esA” Pavezi
SUPORTE Gustavo “Baiano” Gomes
TÉCNICO Ednilson “Jukaah” Vargas
RESERVA Gabriel “Brother” Caetano (Topo)
RESERVA Bruno “Bgob” Giovane (Caçador)
RESERVA Luís “Deoxys” Gustavo (Meio)
RESERVA Jonathan “Mascot” Paiva (Atirador)
RESERVA Jorge “Verfix” Silveira (Suporte)

Desfalcada de Revolta e Loop, que saíram para a INTZ em 2015, a Keyd precisou se reerguer. Takeshi é o mestre que, junto com Jukaah, tem bastante trabalho pela frente para transformar as jovens promessas em um time de ponta. A nova Keyd foi formada para o CBLoL Pós-Temporada, trazendo Turtle e Baiano da Jayob, e Robo da INTZ Red. Eles jogaram bem, mas pararam diante de uma KaBuM Orange mais entrosada. O potencial aqui é gigantesco, mas o desafio também, já que a Keyd teve dificuldades em 2015, ficando sem títulos oficiais e vendo novos concorrentes dando trabalho. Para começar 2016 com força total, o time embarcou para um período de treinamentos na Europa.

MUDANÇAS*

Saem: Leko, Revolta e Loop. Entram: Robo, Turtle, Baiano e um banco de reservas completo.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2015 – Segunda Etapa.


Começo de ano conturbado: depois de anunciar a saída de Dioud, a paiN abordou Loop e anunciou o finlandês Aleksi “Hiiva” Kaikkonen.

paiN Gaming

Rumo ao tri?
TOPO Matheus “Mylon“Borges
CAÇADOR Thulio “SirT“Carlos da Silva
MEIO Gabriel “Kami” Bohm
ATIRADOR Felipe “brTT” Gonçalves
SUPORTE Aleksi “Hiiva” Kaikkonen
TÉCNICO Gabriel “MiT” de Souza
RESERVA Matheus “Picoca” Tavares
RESERVA Renato “The Foxz” de Souza

Como discordar do ditado “Quando o brTT vai bem, a paiN vai bem — e vice-versa”? O atirador carioca teve o melhor ano de sua carreira até agora, e o time não ficou atrás. Bicampeões brasileiros, campeões do Desafio Internacional e heróis brasileiros no Mundial com duas vitórias incríveis (quaaaaaase três). Mylon foi o topo que o time precisava, Kami emplacou mais jogadas geniais ao longo do ano e brTT, além de recuperar boas atuações, ainda foi um dos protagonistas do documentário Legends Rising — e pediu sua namorada em casamento ao vivo na transmissão do Mundial, só para terminar de matar do coração uma galera.

Como superar tudo isso? Ok, apesar de uma temporada brilhante, a paiN ainda demonstrou problemas em jogo: comunicação? Tomadas de decisão? O desafio do time agora é evitar recomeçar do zero, o que pode ser complicado já que o suporte Dioud saiu, e o time brasileiro mais uma vez vai enfrentar as dificuldades de se entrosar com um jogador estrangeiro.

MUDANÇAS*

A paiN dispensou Dioud, o eterno Francês BR, mas não conseguiu substituí-lo com tanta facilidade. Depois de idas e vindas nas negociações, trouxeram o finlandês Hiiva, que estava no Denial eSports EU, para a vaga de suporte.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2015 – Segunda Etapa.

Leia: Jockster volta para a INTZ

Leia: paiN Gaming é punida por Poaching


A Red Canids é a reencarnação da INTZ Red, e mantém a base do time que disputou o CBLoL 2015.

Red Canids

Mas pode chamar de Red
TOPO Marcelo “Ayel” Mello
CAÇADOR Jonas “Caos” Vriesman
MEIO Bruno “Brucer” Pereira
ATIRADOR Gustavo “Sacyr” Rossi
SUPORTE Márcio “Eryon” Reis
TÉCNICO Vinicius “Neki” Ghilardi
RESERVA Guilherme “Shido” Menezes
RESERVA Codjipiece
RESERVA Technosh

Adeus, INTZ Red. Bem-vinda, Red Canids! Os nomes mudaram, mas o vermelho ainda é o mesmo. A irmã mais nova da INTZ precisou passar por mudanças na organização para se adequar ao regulamento 2016, mas manteve a base do time que disputou a Segunda Etapa do CBLoL 2015. Eryon, Sacyr, Brucer e Caos: o entrosamento é tanto que você escreve um nome e o teclado já completa com os outros. Robo vai fazer falta, com certeza, mas é nas horas difíceis que a Red pode surpreender, como foi contra paiN e Keyd em 2015.

MUDANÇAS*

Robo, uma das revelações de 2015, agora é topo da Keyd, e foi substituído por Ayel.

*Em relação ao time titular do CBLoL 2015 – Segunda Etapa.


A Jayob volta ao CBLoL, dessa vez somando experiência de vários jogadores.

Jayob eSports

Bem-vindos de volta!
TOPO Mateus “SkyBart” Neves
CAÇADOR João “Zuao” Vitor
MEIO Bruno “Gokucp” Miyaguchi
ATIRADOR Matheus ”Theusma’‘ Lima
SUPORTE Matheus “Professor” Leirião
TÉCNICO Gabriel “Von” Barbosa
RESERVA Michel “w0lv” Bruno
RESERVA Gabriel “bielz” Dallaruvera
RESERVA Guilherme “Fire” Bruno
RESERVA Victor “EzPrince” Sun
RESERVA Vinicius “Woodboy” Hartman

Com a regra que proíbe equipes irmãs no CBLoL, a INTZ Red e a KaBuM Black tinham um prazo para negociar a venda da organização: a Red agora é Red Canids, e a KaBuM Black abriu mão da vaga. Sendo assim, a Jayob, time Desafiante com o melhor desempenho em 2015, foi promovida para o CBLoL. Um belo presente para quem não havia conseguido a classificação na Série de Promoção (3 a 2 para a própria Black) e precisaria disputar o Circuito Desafiante em 2016. É um time bem diferente daquele que disputou a Primeira Temporada em 2015, mas ao mesmo tempo existe uma soma de experiências aí que não pode ser ignorada. SkyBart e Goku já jogaram juntos na KaBuM Black, e Professor teve papel importante pela g3X na Segunda Etapa de 2015. Bem-vinda de volta, Jayob!

Leia: Jockster volta para a INTZ

Leia: paiN Gaming é punida por Poaching