A grande vitória da Team One sobre a Red Canids neste domingo (20), que credenciou a equipe estreante no CBLoL para decidir a competição contra a paiN Gaming no dia 2 de setembro no ginásio do Mineirinho em Belo Horizonte (MG), teve uma grande história de bastidores, com Brucer pedindo para dar lugar a Marf no 5º jogo.

De acordo com o dono da Team One, Alexandre “Kakavel” Peres, quem estava escalado para atuar na mid lane no 5º e decisivo jogo da semifinal era Bruno “Brucer” Pereira, mas o próprio jogador abriu mão de jogar a partida que decidiria quem iria para final em Belo Horizonte e pediu para que João Marf” Piola continuasse jogando.

“Antes do 5º jogo, o Brucer estava escalado e ele chegou e chamou o time e falou: “Eu quero que vocês continuem com o Marf e que coloquem a Cassiopeia na mão dele”. Ali eu tive a certeza que a gente iria ganhar o jogo, ali o grupo mostrou que tinha maturidade, um cara que faz de tudo para jogar uma partida decisiva e abre mão de jogar essa partida para ceder para o seu companheiro de equipe. Isso é o que eu quis mostrar com essa equipe, grupo, união e eles mostraram que tinham”, revela Kakavel.

Ainda segundo Kakavel, depois de presenciar isso ele disse que assistiu o quinto jogo para comemorar, pois ali tinha certeza que eles ganhariam. “Se eles não ganhassem, para mim eles já eram vitoriosos ali, por mostrar que durante os splits, com todas as dificuldades que a gente teve, criou-se um time”, disse o dono da organização, muito emocionado.