Na noite da última quarta-feira (14), os brasileiros da YNG Sharks venceram os argentinos da Isurus Gaming por 3-1 em uma MD5 válida pela final da ESL Latin America League Season 2. Além da premiação em dinheiro, os grandes campeões também conquistaram uma vaga para disputar as finais presencias da ESL Pro League Season 8, que acontecem em dezembro na Dinamarca. A Sharks se junta a MIBR e INTZ como representantes nacionais no evento.

O Jogo:

Escolha da Isurus Gaming: Nuke
Escolha da YNG Sharks: Mirage
Escolha da Isurus Gaming: Dust 2
Escolha da YNG Sharks: Train

Decider: Inferno

A série começou na Nuke, escolha dos argentinos, mas quem se deu melhor foram os brasileiros, que iniciaram do lado CT. A YNG Sharks venceu o primeiro pistol e logo de cara começou a dominar as ações da partida, abrindo uma vantagem de 7-1 no placar. A dominância continuou, e a Isurus Gaming parecia não conseguir encaixar nada no jogo, e se viu em uma situação complicada, virando a metade perdendo por 11-4. A Sharks também venceu o segundo pistol, e com um excelente jogo do Renato “nak” Nakano, que terminou o primeiro mapa com um ADR de 118, os brasileiros venceram a partida por 16-5, abrindo 1-0 na série.

Passando para a Mirage, a Isurus Gaming respondeu na mesma moeda. Começando do lado CT, os argentinos atropelaram os brasileiros em seu mapa de escolha, e dominaram a partida desde a primeira rodada. A vantagem dos “hermanos” chegou a ser de 11-2, e a YNG Sharks viroua metade perdendo por 12-3. Mudando de lado, a equipe da organização portuguesa conseguiu vencer o segundo pistol e diminuir o placar para 12-5, sonhando com um possível comeback, mas as esperanças logo acabaram, pois a Isurus Gaming encaixou 4 rounds seguidos e venceu por 16-5, empatando a série em 1-1.

O terceiro mapa da série foi Dust 2 e a YNG Sharks novamente tomou a liderança. Os brasileiros começaram do lado CT, e não conseguiram vencer o primeiro pistol e nem os ecos, ficando atrás por 2-0. Em uma metade bastante disputada, a Sharks levou a melhor, vencendo por 9-6. A Isurus Gaming novamente venceu o pistol, diminuindo a vantagem para 9-8, porém a partir do momento que os brasileiros tiveram dinheiro para comprar o armamento, começaram a dominar o jogo, vencendo rodada após rodada e fechando o mapa por 16-9 e abrindo 2-1 na série.

O quarto e último mapa da série foi Train, e a YNG Sharks começou de TR. Mesmo tendo vencido o primeiro pistol, os brasileiros viram os argentinos dominarem o inicio da partida. A Isurus Gaming conseguia defender bem os bombsites, e chegou a liderar por 9-2. A Sharks melhorou, e emplacou os últimos 4 rounds do half, virando de lado perdendo por 9-6. Jogando agora de CT, novamente a YNG Sharks garantiu o pistol, e diminuiu a vantagem para 9-8, porém os “hermanos” passaram a tomar as ações do jogo, e chegaram a liderar por 13-9. Os brasileiros começaram a encaixar novamente, e conseguiram completar um grande comeback, vencendo o mapa por 16-14 e a série por 3-1.

Com o resultado, veja como ficou a classificação final da ESL LA League Season 2:

1° – YNG Sharks (Vaga para disputar a ESL Pro League Season 8 Finals na Dinamarca)
2° – Isurus Gaming: 5.000 dólares
3°/4° – Team Wild e Imperial: 1.750 dólares
5°/6° – W7M Gaming e No2B: 500 dólares
7°/8°- Santos e Bragantino: 250 dólares