O segundo dia do CBLOL 2017 teve a KaBuM jogando contra a OPK em sua primeira série. O confronto trouxe bastante surpresas para os espectadores.

Quem não ganha… perde.

A Kino fez bons picks para a partida. O combo Ashe + Malzahar na bot lane é muito forte e mostrou novamente a sua efetividade.

Veja: Malzahar, o melhor suporte da Season 7

O time ainda garantiu Poppy e Lee Sin, dois power picks do meta atual.

A Orianna de dyNquedo foi crescendo na partida e um simples Q + W deixava a Miss Fortune de Riyev a beira da morte. A idea da Operation Kino era bem clara, garantir vantagem no Early game com o Lee Sin de Ranger e finalizar o jogo com boas team fights graças a Orianna.

Aos 40 minutos de partida a OPK tinha bastante vantagem, a Operation Kino tinha simplesmente 8 mil de ouro de vantagem. A vitória estava nas mãos do time.

Danagorn comemora a vitória – Foto: Riot Games Brasil

Mas esse jogo não era da OPK! Tentando encerrar a partida com bastante desespero, o time acabou perdendo 4 de seus 5 jogadores aos 50 minutos de jogo e a KaBuM não bobiou, foi direto para o GG!

Singed aparece no CBLOL

Após uma primeira partida super complicada, o segundo jogo foi muito mais tranquilo para a KaBuM.

Com Singed, Zantins ficou simplesmente gigante na partida, utilizando a famosa build dos três lacres negros, Zantins inconodava a OPK que não sabia como responder.

O Lee Sin de Ranger falhava em vários momentos novamente, o jogador foi muito criticado nas redes sociais, e a OPK estava perdida na partida.

KaBuM e OPK tinham composições bem diferentes, a KaBuM tinha Jayce, Zinged e Ziggs. Um time bom para realizar estratégias de cerco contra seus adversários. Já a OPK vinha com Maokai, VIktor e Jhin para realizar boas team fights.