A ProGaming estreou no CBLoL 2018 jogando contra a Vivo Keyd, mas acabou sendo derrotada por 2-0. A série também marcou a estreia do jogador Álvaro “Vert” Miguel Martins pela equipe, que inclusive jogou no Mid na segunda partida. Confira a entrevista que o Mais e-Sports realizou com o jogador após a série:

Como está sendo jogar em um time novo nesse Split?
Vert: A sensação de estar em um time novo é uma coisa muito boa, o pessoal é muito alegre e a organização é muito boa então acho que trás um gás novo. Estar atuando em uma nova posição também é a mesma coisa, nesse segundo Split é questão de renovação para mim, está sendo tudo diferente mas estou gostando muito de como as coisas estão indo, apesar de termos perdido hoje foi um pouco de demérito nosso e acho que podemos atuar melhor nas próximas rodadas.

Você gosta mais de jogar no Mid?
V: Eu gosto muito mais do Mid, Top nunca foi uma lane que eu gostava mas acabou sempre sobrando pra mim então por isso acabei virando main Top, mas de paixão mesmo eu gostaria de jogar no Mid porém existe a possibilidade de eu ficar alternando entre o Top e o Mid.

Você está satisfeito com sua estreia pela ProGaming?
V: Eu não posso ficar satisfeito com a derrota porém eu acho que estava muito confiante no meu desempenho e atuação, tanto no meu desempenho quanto na minha comunicação. Não foi o suficiente pra gente vencer a Vivo Keyd mas com certeza poderíamos ter feito melhor.

Como foi treinar com esse meta maluco?
V: Essa semana foi um pouco complicado porque tudo que a gente estava treinando e solidificando mudou completamente do nada, explodiu tudo na quinta-feira, era Mordekaiser, Vladimir, Volibear ADC, Mordekaiser Mid, então acabou mudando tudo e a gente não sabia mais o que era o meta. Todos os times começaram mudar do nada e todas nossas prioridades sumiram e gente teve que se renovar faltando dois dias antes do campeonato, então foi uma semana complicada pra gente.

Quais seriam as principais diferenças entre você e o Lynkez?
V: O Lynkez é um Mid laner de oficio, ele joga na rota a bastante tempo, tem uma boa mecânica e é bem solido na rota, mas a diferença é que ele não tem uma comunicação tão ativa. Quando eu entro eu trago ese ar novo ao time, de ter uma comunicação ativa, chamar nas Calls, ter uma comunicação melhor com Minerva e acho que nós vemos quando isso vai ser necessário ou não para entrar um ou outro.

Você pode acompanhar a cobertura completa do CBLoL 2018 aqui no Mais e-Sports.