- Publicidade -

O Vasco da Gama assinou uma carta de intenção para participar da League of Professional Esports (LPE), a partir de 2019. A LPE conta com grandes clubes do Brasil e do mundo: Barcelona-ESP, Ajax-HOL, Galatasary-TUR e Santos.

Clube de São Januário pretende criar área exclusiva para tratar de esports ainda este ano. Foto: Reprodução/Internet

Além de anunciar o objetivo do Vasco de integrar a LPE, o jornalista Lucas Pedrosa afirma que o clube busca um modelo autossustentável para sua entrada no esporte eletrônico e que ainda este ano será criada uma área exclusiva para tratar do tema.

O Mais e-Sports entrou em contato com Bruno Maia, vice-presidente de Marketing do Vasco da Gama, que confirmou o interesse. Segundo Maia, a intenção de participar do cenário de esporte eletrônico “nasce da mera observação do mercado, de saber que isso é uma realidade competitiva das novas gerações, já movimenta muita receita, é do interesse dos nossos patrocinadores e da nossa torcida.”

Bruno Maia afirma também que a assinatura da carta de intenção não é uma certeza de disputar a liga, mas sim “uma sinalização positiva a um modelo que nos parece sustentável para o start do clube, mas que ainda precisará de mais aprofundamentos.”

A League of Professional Esports é uma liga internacional que está sendo construída para a disputa de diferentes jogos e que envolvem grandes marcas esportivas não só do futebol, mas também de outras modalidades.

Veja também: Analisando a trajetória do Flamengo nos eSports