O Vice-Presidente de Marketing do Vasco da Gama, Bruno Maia afirmou na última terça-feira (7), por meio de sua conta no Twitter, que o clube de São Januário planeja investir nos Esports.

Segundo o executivo do Vasco, o clube planeja que em 2019 o clube já tenha um planejamento de como entrar no mercado: “Estamos estruturando a forma do Vasco entrar ao longo de 2019. Conversando com empresários, times, jogadores, pra montar o melhor jeito de entrarmos.”

Em entrevista ao Mais e-Sports, Bruno Maia disse que a entrada do Vasco não se dará de forma apressada e que o clube precisa ter base e estrutura para fazer o trabalho. “O clube vem de um momento difícil, de atualizar dezenas de frentes de comunicação e negócio. Este processo vai, entre outras coisas, nos gerar uma base de operação que permita entrar neste segmento com a relevância que o Vasco já tem em outros esportes. Por isso, não será algo pra ontem. Mas irá acontecer.”

Questionado sobre o investimento no Esport de outros grandes clubes como Flamengo, Santos, Vitória entre outros, o executivo cruzmaltino vê os rivais mais estruturados em nível de comunicação e negócios. Para Bruno, o Vasco precisa entrar na modalidade com um conhecimento para que o projeto seja desenvolvido a longo prazo.

Bruno Maia falou também sobre as dificuldades de implementar um departamento de esporte eletrônicos em um clube que vive uma mudança de gestão. “As dificuldades são estruturais. O departamento de Esports não deve estar solto. Ele precisa de uma atualização do clube em termo de modelo de negócio. Não quero que o Vasco entenda Esports como uma mera modalidade de recreação como outras podem ser. Temos que entender como negócio.”, disse.

Por fim, Bruno Maia deixou um recados para os vascaínos. “Nós vamos entrar e fortes nisso. Mas estamos no ano um de uma nova gestão, organizando as coisas para que o Vasco não entre por “moda” ou para “não ficar atrás” de alguém. O Vasco vai entrar porque acredita nisso como parte do nosso futuro.”