Times participantes do Pilot Program de Rainbow Six: Siege (Divulgação/Ubisoft)

A Ubisoft tem pretensões ambiciosas para o crescimento do cenário competitivo de Rainbow Six: Siege. A desenvolvedora anunciou nessa terça-feira (05) seu Pilot Program no esport, que estreia um projeto de compartilhamento de receitas entre a empresa e 10 times participantes do circuito de R6.

A iniciativa estreou com uma parceria entre a Ubisoft e duas das maiores organizações do segmento no mundo, a Immortals, que anunciou sua escalação para a Pro League no mesmo dia, e a Ninjas in Pyjamas, que fará a divulgação em breve. Os dois times colecionam títulos internacionais em outros esports, principalmente no Counter Strike: Global Offensive.

A divisão será feita a partir da receita obtida de itens comprados no jogo. Cada time no Pilot Program terá disponível para compra uma skin e um amuleto com suas cores e marca, e 30% da receita líquida da venda desses produtos durante a Pro League será redistribuída às equipes, sendo 9% em premiação e 21% igualmente entre as organizações no programa.

De acordo com a Ubisoft, a decisão tem como objetivo profissionalizar o cenário competitivo de R6, especialmente a Pro League, e promover estabilidade às organizações e aos jogadores. “Para nós, o Pilot Program é uma maneira de recompensar os times que estão contribuindo para o crescimento do cenário. Para os fãs, acreditamos que seja uma maneira direta de mostrar o seu apoio para times e jogadores específicos”, afirmou Alexandre Remy, diretor de marca do Rainbow Six: Siege.

A próxima temporada da Pro League iniciará no dia 11 de junho, e o Pilot Program começará a ser aplicado no mesmo dia. Os times participantes do acordo são: PENTA Sports e Vitality, da Europa; Evil Geniuses, Rogue, SK Gaming, Counter Logic Gaming e Mousesports, da América do Norte; FaZe Clan e Team Liquid, da região latino-americana; e FNATIC, da região Ásia-Pacífico.

Veja também: YeaH! e BRK vencem na 12ª semana do Brasileirão de Rainbow Six