- Publicidade -

Após a vitória da Vivo Keyd em cima da paiN Gaming no último sábado (17) o Mais e-Sports conversou com Gabriel “tockers” Claumann, mid laner da Keyd, sobre como foi a série e também preparação para jogar contra a Red Canids Corinthians.

Tockers comentou sobre o que esperava da paiN Gaming para a série e como eles (paiN) evoluíram desde a derrota para a CNB.

“Eu esperava uma paiN diferente do que a gente tinha visto, não esperava que eles mudassem tanto porque agora eles estão jogando agressivos agora. Não estão só esperando, pegando campeão que escala, ficando lá sentados farmando… eles estão proativos que era algo que a gente já esperava que fosse acontecer mas não tão rápido e ainda com Galio e Rakan facilita muito esse estilo proativo e fomos pegos de surpresa. Então eles estão no caminho certo e melhorando, é bom ver uma paiN forte assim

O mid laner falou sobre o confronto contra o Galio do Tinows e qual foi o impacto dele no jogo.

“Eu achava que eles tinham pegado o Galio para defender mas eles realmente pegaram para jogar agressivo. Ele (Tinowns) jogou bem passivo e esperou as pessoas fazerem um primeiro movimento  que é como se joga de Galio, então eu acho que ele jogou bem e fez o que tinha que fazer, não tomou riscos, mas infelizmente o jogo que ganhamos eu estava de Zoe e não tinha muito o que ele fazer

Jogando de Zoe na terceira partida, Tockers ficou com o KDA de 4/1/7.           Foto: Riot Games

O jogador também comentou sobre o que espera para o confronto contra a Red Canids Corinthians, principalmente na parte de mid-jungle onde vão enfrentar os coreanos Sky e Winged. “Eu acredito que mid-jungle vai ser muito importante contra eles porque eu e Revolta gostamos bastante de lutar e eles (Sky e Winged) também gostam bastante de lutar então acho que eu e Sky vamos ter uma rota bem movimentada e vai ser bem divertido”

Para finalizar, Tockers falou sobre como funcionou a dinâmica de mid e jungle na série contra a paiN e como foi o plano para enfrentar o Tinowns e Tay.

“A paiN veio com um plano de jogo bem focado no mid e jungle e ganhar o 2v2, então eu e Revolta tivemos que jogar um pouco mais esperto que eles e não comprar essas lutas ruins porque eles eram mais fortes, então jogamos só no nosso tempo, nos nossos itens e eles não conseguiram nos punir, então nós dois só jogamos mais espertos que o mid e jungle da paiN e conseguimos contornar as situações ruins”

Agora a Vivo Keyd enfrenta a Red Canids Corinthians no dia 24 de fevereiro. Você pode acompanhar a cobertura completa do CBLoL 2018 aqui no Mais e-Sports.