A Sk Gaming venceu a Astralis na grande final da BLAST Pro Series que aconteceu em Copenhagen, e assim se consagrou a primeira campeã da competição. 

A competição foi uma especie de “torneio relâmpago” e contou com apenas 6 times, sendo eles: Astralis, SK Gaming, G2 Esports, Faze Clan, North e Ninjas in Pyjamas. Os times jogaram um formato todos contra todos apenas ida em MD1 (Melhor de um) onde as duas equipes com melhor classificação avançavam para a final da competição.

Na grande final, a Astralis começou abrindo o placar no mapa Mirage, com destaque para uma ótima atuação do jogador Dupreeh, que conseguiu ótimos clutchs. A equipe dinamarquesa fechou o mapa com um placar de 16-11.

Já na Inferno os brasileiros da SK Gaming mostraram que estavam em dia no mapa e deram um show de rotação e atuações individuais, com destaque para o capitão Fallen que conseguiu ótimos rounds decisivos para a equipe. A SK fechou o mapa com o placar de 16-8.

A decisão do campeonato ficou no mapa da Cache. Os brasileiros tiveram um começo bem difícil do lado terrorista, onde a Astralis chegou abrir 9-0 de vantagem. OS brasileiros mostraram uma reação após vencer os seis últimos rounds do lado de terrorista. Após a inversão de lados, tivemos um jogo muito pegado onde os dinamarqueses chegaram a ter o match point por 15-14, mas a SK Gaming acabou levando para a prorrogação.

Na prorrogação os brasileiros mostraram o porque são a melhor equipe do mundo e conseguiram a virada, vencendo por 19-16. GG SK Gaming!

Com a vitória, a SK Gaming levou uma premiação de 125 mil dólares para casa.