SK Gaming conquistou na tarde desta segunda-feira (19) o título da DreamHack Open Summer 2017. A equipe brasileira derrotou na grande final a Fnatic por dois mapas a um, com parciais de 168 (Inferno), 416 (Overpass) e 168 (Mirage). Gabriel “FalleN” Toledo e seus companheiros levam para casa 50 mil dólares.

O primeiro mapa, Inferno, foi dominado pela SK Gaming quase em sua totalidade. Começando do lado contraterrorista, a equipe brasileira conseguiu segurar a Fnatic até determinado ponto da partida e chegou a abrir 7-1 no placar. Entretanto, o time sueco, em seu melhor momento no jogo, conseguiu reagir e diminuiu a diferença. Ao fim da primeira etapa, o marcador mostrava 8-7 para os brasileiros. Já na segunda metade, a SK Gaming não deu nenhuma chance para o adversário e, sem dificuldades, fechou o mapa por 168.

Na segunda partida, jogada no mapa Overpass, a Fnatic, atropelou a SK Gaming. O time sueco não se intimidou com o mapa perdido anteriormente e foi pra cima da equipe brasileira. No primeiro half, a Fnatic conseguiu segurar muito bem a SK e venceu por 13-2. Na segunda etapa, sem maiores dificuldades, a equipe sueca fechou o mapa por 164 e empatou a série.

O terceiro e decisivo mapa, Mirage, foi muito parecido com o primeiro. A SK Gaming começou melhor, abriu uma boa vantagem, 6-1, e viu a Fnatic reagir na partida. Ao fim do primeiro half, o placar marcava 8-7 para o time brasileiro. Já na segunda etapa, a SK dominou a equipe sueca, que conseguiu somar somente mais um round. Assim, a SK Gaming fechou o mapa por 168 e a série por dois mapas a um.

Assim, a SK Gaming é a grande campeã da DreamHack Open Summer 2017, levando para casa 50 mil dólares. Este é o terceiro título offline da equipe brasileira em 2017, que ainda jogará mais três eventos em menos de um mês. O próximo compromisso da SK será a ECS Season 3 Finals, que acontece entre os dias 23 e 25 de junho.