A SK Gaming está nos playoffs do ELEAGUE Major de CS:GO. A classificação para a próxima fase da principal competição de Counter Strike no mundo veio após uma emocionante vitória sobre a Astralis por 19-17 na Dust2. A vitória no mesmo mapa em que o time brasileiro foi atropelado pela Natus Vincere na última terça-feira (24) serve para dar moral a SK Gaming para a próxima fase da competição.

A SK Gaming começou a partida vencendo o round pistol e atuando pelo lado terrorista na Dust2. Após vencer os dois rounds seguintes e abrir 3-0 no jogo, o time brasileiro perdeu o primeiro armado da partida e depois disso, permitiu que a Astralis levasse os 4 rounds seguintes, virando a partida para 5-3.

Depois disso, a Astralis chegou a ter 8-4 a favor no placar. No entanto, o criticado Ricardo “fox” Pacheco apareceu muito bem no final do primeiro half e foi fundamental para que a SK Gaming fosse para o segundo tempo da partida com apenas um round de desvantagem, 8-7 para a Astralis.

No segundo half, a estrela de Marcelo “coldzera” David brilhou no pistol round e com 3 kills, o melhor jogador do mundo ajudou a SK Gaming a empatar a partida em 8 a 8. Nos rounds seguintes, o time brasileiro conseguiu segurar o “pistolete” e o eco da Astralis e virou a partida para 10-8.

No primeiro armado do segundo half, o time brasileiro levou a melhor e ao vencer também os três rounds seguintes, a SK Gaming conseguiu abrir uma vantagem de 14-8 no placar. Foi aí que a Astralis acordou novamente na partida e ao vencer cinco rounds seguidos encostou no marcador, 14-13 para os brasileiros.

No round seguinte, a SK Gaming apostou numa composição com 3 AWPs nas mãos de TACO, Fallen e Fox. No entanto, apesar de ter uma situação de 3v2, o time brasileiro não conseguiu fazer valer a vantagem numérica e falhou em vencer o round, comprometendo bastante a sua economia. 14-14.

Aproveitando do forçado do time brasileiro, a Astralis venceu o round e colocou 15-14 no placar, precisando apenas de mais um round para conseguir a classificação para os playoffs do ELEAGUE Major de CS:GO. No entanto, a SK Gaming conseguiu vencer o round e levou a partida para o overtime.

A Astralis começou muito bem o overtime no lado terrorista ao vencer os dois rounds primeiros rounds e obrigou os brasileiros a fazer um round forçado. No entanto, a SK Gaming não se entregou e conseguiu vencer o round, indo para o segundo half do OT em desvantagem no placar, 17-16 Astralis.

No primeiro round da segunda metade do OT, quem brilhou foi Fernando “fer” Alvarenga. Em uma situação de 1v2, o brasileiro conseguiu o clutch e empatou a partida em 17-17. No round seguinte foi a vez de coldzera aparecer novamente, o jogador conseguiu matar 3 adversários e colocou o placar favorável a SK Gaming em 18-17, tendo um match point para os brasileiros.

E foi na única oportunidade que tiveram que a SK Gaming conseguiu fechar a partida. Com mais 3 kills na conta de coldzera, o jogador que terminou a partida com 35 abates, levou sua equipe a próxima fase da competição ao vencer o jogo por 19-17.

Com a derrota, a Astralis está com um recorde de 2-2 na competição e tem apenas mais uma chance de se classificar para a próxima fase da competição.