Eliminada! A SK Gaming foi derrotada na tarde deste sábado (16) pela Liquid e está fora da ESL One New York 2017. Os brasileiros perderam por dois mapas a um, com parciais de 1822 (Inferno), 165 (Overpass) e 1316 ( Cobblestone).

Inferno

O primeiro mapa, Inferno, foi bastante equilibrado. A Liquid começou do lado contraterrorista e mostrou toda a sua força defensiva. A equipe norte-americana anulou bem as ações da SK Gaming e levou para o intervalo uma boa vantagem, 11-4.

Na segunda etapa, foi a vez da SK Gaming mostrar toda sua capacidade de segurar as investidas do adversário. Assim como a Liquid havia feito anteriormente, a equipe brasileira não deu espaço para os norte-americanos e conseguiu buscar o resultado, levando a partida para o overtime, 15-15.

No tempo extra, a Liquid contou novamente com um lado contraterrorista forte e, aproveitando disto, fechou a partida por 2218.

Neste mapa, vale destacar a atuação de  dois jogadores: Marcelo “coldzera” David e Josh “jdm64” Marzano. Ambos chegaram a incrível marca de 42 kills na partida. Além disso, os dois foram fundamentais para a conquista de diversos rounds por suas respectivas equipes.

Overpass

Se a primeira partida foi muito equilibrada, a segunda, jogada no mapa Overpass, quase não teve emoção. A SK Gaming, contando novamente com bela apresentação de Coldzera, passeou para cima da Liquid.

Na primeira etapa, jogando do lado terrorista, os brasileiros quebraram facilmente a defesa da equipe norte-americana. Ao final do primeiro half, o marcador mostrava 11-4 para a SK. Na segunda metade, com uma excelente vantagem em mãos, o time brasileiro apenas administrou o resultado e fechou o jogo por 165.

Cobblestone

O último e decisivo mapa, Cobblestone, foi equilibrado até a primeira metade. As duas equipes trabalharam bem suas propostas de jogo, e isto resultou em um placar bem apertado no primeiro half, 8-7 para os norte-americanos.

Já na segunda etapa, o lado contraterrorista da SK Gaming não funcionou muito bem. A Liquid tinha certa liberdade para trabalhar no bomb B, o que culminou na conquista de muitos rounds por parte dos norte-americanos. Assim, a Liquid levou a melhor e fechou o mapa por 1613.

Com a derrota, a SK Gaming está eliminada da ESL One New York 2017. A equipe brasileira encerra sua participação na competição ficando com a terceira colocação.