- Publicidade -

A Riot Games revelou na última quinta-feira (18) que pretende aumentar o número de banimentos na fase de draft nas próximas atualizações do League of Legends. De acordo com a desenvolvedora, a ideia de aumentar de seis para dez bans nos jogos de modo Alternado poderá ser testada depois da Pré-Temporada (patches 6.22 e 6.23).

A Riot ainda revelou na publicação que já começou a escutar as opiniões de jogadores profissionais e recreativos e a ideia de mais banimentos agrada a boa parte das pessoas ouvidas. Porém, para que essa mudança na fase de draft realmente aconteça, a desenvolvedora pretende resolver questões como: a duração da seleção de campeões, o aumento de campeões necessários para jogar partidas ranqueadas e a possibilidade de vários campeões da mesma role serem banidos.

Além destas mudanças, a Riot Games ainda pretende fazer pequenas alterações de balanceamento nos próximos patches (6.17 e 6.18). Estas mudanças têm como intuito aumentar a diversidade no cenário profissional, nerfando campeões como Ashe, Jhin, Gragas e Trundle e bufando outros como Draven, Jayce e Malphite.

Vale a pena lembrar que o Campeonato Mundial de League of Legends, que acontece entre os dias 29 de setembro e 29 de outubro, será disputado no patch 6.18. Por conta disso, a Riot não pretende fazer grandes mudanças e sim pequenos ajustes.

Aumento no número de bans

O Dota 2 pode ser tomado como exemplo no que se diz respeito ao número de bans. No jogo da Valve, cada equipe bane cinco heróis diferentes, totalizando dez bans, sendo que os banimentos são feitos em fases alternadas aos heróis escolhidos. Com isso, no último The International, principal campeonato da modalidade, 105 heróis diferentes foram escolhidos durante toda a competição.