Depois de construir um reinado que durou quatro temporadas, a G2 caiu perante a Fnatic neste domingo (08) na Royal Arena em Copenhague, em uma série que terminou com um 3-0 totalmente dominante, com direito a dois pentakills de Martin “Rekkles” Larsson.

No primeiro jogo da série a G2 assumiu a liderança da partida após um ótimo early game, concentrando bastante recursos na mãos Hjarnan e Perkz. Apesar da vantagem, a Fnatic veio com uma composição que girava em torno do grande nome da equipe: Rekkles. O atirador não decepcionou e até conseguiu um pentakill na partida. A Fnatic teve a chance de finalizar o jogo aos 33 minutos, mas acabou deixando de focar o nexus para tentar conseguir alguns abates, o que resultou em quatro abates para a G2, que conseguiu se manter viva na partida, porém com Nexus exposto. Aos 41 minutos, a Fnatic consegue a luta da vitória e que consagra o primeiro pentakill de seu atirador na série. Veja o pentakill:

Na segunda partida a Fnatic tomou as rédeas da partida no começo, com uma atuação incrivel de Caps jogando de Zoe. A equipe acabou cometendo alguns erros e deixando a vantagem do mid game passar para a G2, que conseguiu o primeiro Barão da partida e assim recuperar um pouco de vantagem em mapa. Na luta que entregou o jogo novamente nas mãso da Fnatic, mais uma vez Rekkles brilhou, e com um otimo posicionamento, conseguindo seu segundo pentakill na série. A equipe partiu para o Barão e posteriormente apenas precisou usar o buff para destruír a base da G2, finalizando a segunda partida em 34 minutos. Veja o pentakill:

No terceiro e último jogo, a pressão parece ter batido na porta do time que até então, era o atual campeão da Europa. A partida se manteve equilibrada no early e mid-game, porém a Fnatic conseguiu neutralizar Perkz, que era o principal nome da equipe, deixando Caps livre nas rotas laterais para abrir uma grande vantagem em farm e também em leveis. Caps assumiu o papel de split-pusher com seu Ryze e se aproveitou da falta de decisão da G2 em se manter perto do covil do barão para um possivel objetivo ou contestação, ou então voltar e parar o mid laner, que estava levando toda a base sozinho. Essa falta de decisão acabou custando a partida, após a Fnatic conseguir um bom pickoff no atirador inimigo, a equipe partiu para o barão e depois foram direto para a base da G2, vencendo a partida em 31 minutos e se consagrando campeões da primeira temporada da LCS EU 2018.

Com o título, a Fnatic chega a 6 troféus na competição, além de finalmente acabar com o reinado da G2 no torneio, que já durava quatro temporadas seguidas. A última vez que a Fnatic tinha chegado em uma final da LCS EU foi na segunda temporada de 2015, onde foram campeões.

A Fnatic será a representante da Europa no MSI 2018 e jogará o evento em casa, já que a competição acontecerá na Alemanha e na França entre os dias 03 e 20 de maio. Você pode rever a cobertura completa da LCS EU 2018 aqui no Mais e-Sports.