- Publicidade -

O duelo dos desesperados do CBLOL 2016 terminou com a Red Canids sorrindo. Com duas vitórias convincentes, a equipe formada por YoDa, Dioud, SacyR, Brucer e o top laner europeu, beansu, espantou o fantasma do Circuito Desafiante e se manteve na elite do CBLOL. Já a Big Gods, equipe que subiu para a principal competição de LoL do Brasil neste Split, voltará para a segunda divisão do League of Legends brasileiro.

Em uma série em que se esperava um nervosismo muito grande das equipes, uma provável falta de entrosamento da Red e muita emoção, o que pudemos ver foi a matilha muito superior em relação à Big Gods, com tomadas de decisões que a mesma ainda não havia apresentado neste CBLOL.

Na primeira partida do confronto, a Red Canids conseguiu controlar as ações do jogo desde o início ao pegar três dragões seguidos, colocando ainda mais pressão para cima da BG. Isso tudo foi somado aos pickoffs realizados pelas sentenças de Dioud e os casulos de Yoda. Jogando com confiança, a matilha administrou sua vantagem e definiu a partida após pegar o Barão e o Dragão Ancestral.

Para a segunda partida da série a Red Canids trouxe a mesma composição do primeiro jogo. Por incrível que pareça, a Big Gods repetiu os bans e deixou a Red jogar com os mesmos campeões. A partida foi bem mais disputa que a primeira mas novamente o francês estava com a mira calibrada. A Red conseguia realizar pickoffs em jogadores da Big Gods que eram seguidos por outros objetivos.

O time matava um oponente e partia para o Dragão, Torres e até mesmo o Barão. Com o jogo TODO controlado para a Red Canids o time cometeu dois deslizes. Brucer foi pego e logo depois SacyR devido a um “missclick” morreu ao entrar na jornada mágica de Red Bert. A BG toma atitude e vai para o Dragão Ancestral, com o Roubo de Yoda a Red Canids volta ao controle do jogo e finalmente venceu a partida.