Depois de ter o visto negado na primeira tentativa, Julio “Julio” Giacomelli e João “Kamikaze” Gomes não tiveram os vistos aprovados novamente. Como informou o manager da NiP na última quarta-feira (6), o consulado havia pedido mais um dia para análise dos vistos.

O resultado saiu nessa quinta-feira (7) e voltou a ser negativo. A NiP informou que divulgará mais informações em breve.

Ainda não foi definido quem irá substituir a dupla brasileira na competição. A equipe da FaZe Clan também sofreu com negação de visto, com Ronaldo “ion” Osawa. Nino “ninexT” Pavolini será o substituto.

A Pro League Japão terá início no próximo sábado (9), e terminará no dia seguinte, no domingo (10). O primeiro adversário da NiP será a Team Reciprocity, já nas quartas de finais.

ENTENDA A POLÊMICA

O processo dos vistos ia ser realizada pela organizadora do campeonato, a ESL. Segundo BOB, em seu Twitter, os jogadores e técnicos enviaram a documentação necessária para tirar visto e apenas aguardaram a confirmação pela ESL.

Mas, segundo o manager da NiP, faltando 10 dias para a viagem, foi feita a cobrança e a ESL afirmou que os vistos eram de responsabilidade das organizações e não dela.