A paiN Gaming fez um anúncio oficial e comunicou a chegada de um novo Head Coach para a equipe de League of Legends.

“Teremos um novo Head Coach, dentro de uma estrutura clara que será desenhada para otimizar o funcionamento da nossa comissão técnica,” comunicou o clube. Desde a saída de Gabriel “Mit” Souza, Arthur “PAADA” Zarzur assumiu o comando da comissão técnica da equipe ao lado de César “jUc” Barbosa.

No comunicado o time também falou sobre o fato de Gabriel “Kami” Bohm não ter sido inscrito no CBLOL. A organização explicou que o contrato do jogador terminou em Novembro de 2017 e foi imediatamente renovado. Logo depois, o próprio Kami foi quem apareceu falando sobre toda a situação:

“Honestamente, os motivos são os mesmos quando eu decidi não jogar a Superliga no final do ano passado. Eu estava precisando de um tempo para mim mesmo. Estava muito cansado. Faço isso desde muito cedo,” comentou o mid laner.

Kami iniciou sua carreira com 15 anos. Aos 16, ele se mudou para a Gaming House da paiN Gaming em São Paulo e vem desde então vivendo a rotina de um proplayer de League of Legends.

O jogador explicou que não conseguia mais dar os seus 100% e que continuar jogando seria injusto com ele mesmo e também com o resto do time.

Para finalizar, Kami explica que ainda é paiN, que continua fazendo parte da organização. Ele também demonstrou bastante confiança na line-up da equipe para o ano de 2018: “Acredito que essa line-up está muito forte. Está entrosada e eles vão conseguir voltar a ser uma paiN forte que a gente via em 2015.”