paiN Gaming não conseguiu avançar para as semifinais do Americas Minor, campeonato que seleciona duas equipes para o classificatório do PGL Krákow Major 2017. A equipe brasileira, nesta sexta-feira (9), apesar de ter conseguido bater a Misfits, não superou Cloud9CLG e foi eliminada da competição.

Na primeira partida que disputou no dia, contra a Cloud9, a paiN foi atropelada. A equipe norte-americana não deu nenhuma chance para os brasileiros e venceu por 161, no mapa Train.

paiN estreava na competição com uma amarga derrota, que poderia ser motivo para abalar a confiança da equipe. Entretanto, o time brasileiro não se incomodou e na partida de eliminação, derrotou a Misfits por dois mapas a zero.

No primeiro mapa, Overpass, a paiN foi muito superior ao time norte-americano. Impondo um ritmo forte no primeiro half, a equipe brasileira, jogando do lado terrorista, encaixou bem suas táticas e abriu uma ótima vantagem, 11-4. Na segunda metade da partida, a paiN conseguiu segurar a Misfits e não perdeu nenhum round, fechando o mapa por 164.

Já no segundo mapa, Train, o duelo foi bastante equilibrado. Na primeira etapa, a Misfits foi pouco melhor que a paiN e o placar marcava 9-6 para os norte-americanos na troca de lados. Na volta do intervalo, a Misfits novamente começou melhor e chegou a estar vencendo por 13-6. Entretanto, após uma boa reação, a paiN conquistou seis rounds consecutivos e voltou para a partida. Neste momento do jogo, a equipe norte-americana parece ter se abalado e, aproveitando disso, a paiN fechou o mapa por 1614 e a série por dois mapas a zero.

Com a vitória, a paiN Gaming precisou enfrentar a CLG, valendo vaga nas semifinais. No confronto, a equipe norte-americana levou a melhor e venceu por dois mapas a zero.

paiN não conseguiu avançar para as semifinais do Americas Minor.

No primeiro mapa, Overpass, a paiN quase conseguiu reverter um placar que era totalmente dominado pela CLG. Impondo seu jogo e contendo as investidas da equipe brasileira, o time norte-americano fechou o primeiro half vencendo por 13-2. Na segunda etapa, a paiN foi round por round diminuindo a vantagem da CLG, que em determinado momento era apenas de dois rounds, 13-11. Entretanto, após perder um round econômico totalmente inesperado, a equipe brasileira não conseguiu segurar a CLG, que venceu o mapa por 1612.

Na segunda partida, disputada no mapa Overpass, a paiN também não foi capaz de derrotar a CLG. A equipe norte-americana, embalada pela vitória no mapa anterior, não deu chances para o time brasileiro. No primeiro half, a CLG abriu uma excelente vantagem, 14-1. Na segunda etapa, mesmo após perder o round pistol e os rounds econômicos, a CLG não teve dificuldades para fechar o mapa por 167 e a série por dois mapas a zero.

Com a derrota, a paiN Gaming foi eliminada do Americas Minor e não tem mais chance de disputar o PGL Krákow Major 2017.

Luminosity Immortals, outros dois brasileiros presentes na competição, voltam a jogar no próximo sábado (10), valendo vaga no classificatório para o próximo major. A LG, às 14h00, enfrenta o Cloud9. A Immortals por sua vez, encara o CLG às 17h30 (horário de Brasília).