- Publicidade -

Estamos em um Meta onde a inicialização vem partindo bastante dos ADCs, com Ashe e Jhin se tornando escolhas fortes do momento.

As builds alternativas estão chamando atenção na Solo Qeue e no competitivo. A build coreana do Lucian maximizava tanto seu poder que resultou em um nerf no ad carry. O campeão da vez é o Jhin, o virtuoso, que vem apresentando resultados expressivos com uma build composta, principalmente, pela Lâmina Fantasma de Youmuu e pelo Crepúsculo de Draktharr, veja:

Exemplo da Build

Essa composição de itens oferece de diferencial a alta penetração de armadura, além do dano, essencial em um campeão do tipo.

Jhin pode simplesmente iniciar uma luta com a  Aclamação (R) ou até mesmo com o seu enraizamento através do  Florecer Mortal (W). 

Core: Espada Fantasma de Yoummu e Crepúsculo de Draktharr.

Botas: Botas da Rapidez ou Botas Ionianas da Lucidez.

Build ofensiva: Lembranças do Lorde Dominik ou Lembrete Mortal.

Build Defensiva: Cimitarra Mercurial, Mandíbula de Malmortius e Sedenta por Sangue.

Entendendo a Build

Os dois Cores da Build do Jhin são itens extremamente ofensivos, tanto a Yoummu’s quanto a Draktharr trazem um potencial gigantesco para o campeão de simplesmente aniquilar quem chegar perto dele. Além de um potencial ofensivo, a Yoummu’s pode ser utilizada defensivamente com o boost de velocidade de movimento.

Nas botas nós temos praticamente duas opções. As botas da rapidez é quase sempre a escolha certa, porém, em alguns casos quando o seu time necessita bastante do Ultimate do Jhin, a redução de tempo de recarga das Botas Ionianas da Lucidez se torna algo mais atraente.

Devido a aos fatos que a Hexdrinker é item de custo benefício bem alto e  que enfrentar um campeão que causa dano mágico no time inimigo é quase certo, o item se torna algo core para o início da partida. Por apenas 1300 de gold você aumenta bastante as chances do campeão sobreviver as lutas de grupo.  A sua evolução também é ótima para Jhin, a velocidade de movimento extra que o item fornece nos casos de alta necessidade ajudam ele a sobreviver os engages adversários.

Além da Mandíbula de Malmortius temos outros itens defensivos como a  Sedenta por Sangue e a Cimitarra Mercurial.

Teremos sempre presente também uma evolução do Último Sussurro, evoluções lw que dependendo da composição adversária pode aparecer até mesmo como terceiro item no jogo. Caso o time tenha campeões com bastante cura como Swain ou Vladimir, você deve optar pelo Lembrete Mortal se não, evolua para a Lembranças do Lord Dominik.

A Build no Competitivo

O ad carry da PaiN Gaming, TaeYeon, utilizou uma variante dessa build no primeiro, no terceiro e no quarto jogo da semifinal da segunda etapa do CBLoL 2016, com Gume do Infinito e Botas da Lucidez.

No segundo jogo da mesma série, foi a vez do ADC da INTZ, MicaO, apresentar um Jhin com essa build, optando pela Mandíbula de Malmortius para se defender, principalmente, do Rumble de Mylon e o Swain de Kami.  Veja os jogos da semifinal e a performance desses jogadores com o campeão: