A RED Canids chega como uma das grandes favoritas para o segundo Split do CBLoL 2018. Apesar do favoritismo, a matilha acabou tropeçando em sua estreia na competição, perdendo para a CNB por 2-0. Em entrevista ao Mais e-Sports, Caio “Loop” Almeida, suporte da matilha, comentou sobre os coreanos e também erros que fizeram a RED sair com a derrota logo na primeira rodada. Confira:

Pergunta: Acha que essa derrota para a CNB é preocupante para a RED?
Loop: Toda derrota é algo preocupante e frustrante, mas a gente tem tempo para correr atrás, nessa segunda semana vamos ter menos tempo para treinar porque nosso jogo é na sexta-feira, é algo ruim, mas temos que saber lidar para conseguir aprender com essa derrota e chegar na vitória semana que vem.

P: Você já jogou com outros coreanos, qual a diferença com o SKY e Chaser?
L: Eu acho que o Chaser fala muito bem inglês, então é muito melhor comparado com os coreanos que eu já joguei, e o Sky tem um estilo de personalidade muito diferente dos coreanos que já conheci, ele se parece mais com nós no sentido de ser mais leve, ser mais ‘zoeiro’, ser mais tranquilo de você conversar e brincar então os dois tem características muito diferentes das experiências que já tive com coreanos no passado.

P: Você está aprendendo muita coisa com os dois?
L: Eu acho que sempre se tem algo a aprender com pessoas de regiões diferentes, especialmente da Coreia. Eu acho que o Chaser trás muita informação e conhecimento porque ele já liderou time de outras regiões como Coréia, América do Norte e Europa e isso é uma experiência que agrega bastante par ao nosso cenário e nosso time.

P: O que falta para que esse time da RED consiga se encaixar para vencer o CBLoL?
L: Eu acredito que o que faltou foi um pouco de entendimento sobre o que é mais confortável para jogarmos. Houve uma mudança muito grande no meta e acho que não conseguimos achar o que fosse confortável para nós e que funcionasse para o grupo como um todo. Acho que falhamos em estar confortáveis durante o jogo, teve essa mudança que todos os times tiveram qe enfrentar então não afetou só a gente, todos os times tiveram que correr atrás de se adaptar ao patch novo, mas nós não conseguimos encontrar rapidamente algo que fosse confortável para o nosso jogo para chegarmos aqui e falarmos “ok vamos jogar desse jeito”. A CNB conseguiu um planejamento muito centrado e correto no que eles iam fazer independente do que fosse mais forte ou mais fraco no meta e eu acho que isso foi o que mais trouxe a vitória para os times.

A RED Canids jogará contra a ProGaming no dia 15 de junho. Você pode acompanhar a cobertura completa do CBLoL 2018 aqui no Mais e-Sports.