20 vitórias em 21 partidas, esse foi o placar que levou o Flamengo e-Sports para a semifinal, no topo da tabela do CBLoL. O 3×0 sobre a CNB e-Sports garantiu os rubro-negros na grande final. Para a maioria dos casters e analistas procurados pelo Mais Esports, a decisão do título também irá para o Flamengo. E com certa facilidade.

Coach do Flamengo na campanha da equipe do Circuitão até o fim da fase regular no primeiro split de 2018, Gabriel “MiT” Souza crê em um 3×1 para os rubro-negros.

“Flamengo foi dominante em toda etapa e indiscutivelmente o melhor time, enquanto a INTZ vem de uma grande recuperação no campeonato, não apresentou um bom jogo nas semifinais. A grande esperança da INTZ está na força dos solo laners que vêm demonstrando qualidades incríveis no campeonato, enquanto o Fla vem com um conjunto mais forte em termos gerais”.

Junto com MiT, o treinador da Uppercut Erick “Erickao” Cardoso e a analista Bianca “Thaiga” Lula também acreditam que os intrépidos irão garantir somente uma vitória na série. O comentarista Brunno “Colosimus” Felipe, que também vê o 3×1 para o Flamengo, acredita na “superioridade rota à rota” e na experiência rubro-negra para levantar o título.

No entanto, há quem veja essa final com mais dominância ainda para o FLA. É o caso de Alexandre “Skeattt” Trevisan. O comentarista do CBLoL não vê outra opção para favorito nessa final além do Flamengo, que “chega para fazer 3×0”.

“Eles são extremamente favoritos e não mostraram absolutamente nada na semifinal. Enquanto a INTZ precisará se superar em 3 ou mais jogos se sonha em ganhar essa série, não podem vacilar como vacilaram contra a RDP, tem que jogar num ritmo completamente diferente”, continuou Skeattt.

Equipe do Flamengo na semifinal contra CNB Foto: Riot Games Brasil

Esse pensamento é compartilhado com a repórter do CBLoL Carol “Tawna” Oliveira, a colunista do Mais Esports Letícia Motta e com o CEO do Mais, Eric Teixeira. “Essa line do FLA tem tudo para fazer história”, cravou Eric.

Ainda que o favoritismo seja pro lado flamenguista, há quem acredite no título intrépido. É o caso de João “Dionrray” Pedro. O treinador da ProGaming aposta em 3×1 para a INTZ, caso consigam usar bem todo seu elenco, que conta com 10 jogadores.

“Acredito na INTZ caso consigam usar bem todo o seu plantel de jogadores, principalmente com boas aparições do WhiteLotus. Vai ser uma série difícil e muito decidida no emocional, quem começar melhor a série deve fechar”.

Minoria entre os questionados, somente o analista Bernardo “berunardo” Pereira também vê a INTZ com chances de vencer a final. “Se existe alguma equipe capaz de bater o FLA em uma MD5, essa equipe é a INTZ, seja pelo talento individual ou pela comissão técnica, que também mostrou um ótimo trabalho essa etapa”, finalizou.