- Publicidade -

Após vários testes (muitos bem falhos) o Clash, sistema de torneios do League of Legends, finalmente será lançado. A Riot Games divulgou que a nova funcionalidade terá sua estreia no dia 22 de fevereiro, mas terá algumas pequenas mudanças.

No fórum do jogo, o rioter Meddler compartilhou algumas alterações que o modo de torneio sofrerá para o seu lançamento. A primeira delas é que todas as equipes agora jogarão três partidas, independente do resultado. Antes, o time que perdesse os dois primeiros jogos já estava fora, mas isso “levou a uma experiência do Clash menor que o esperado/desejado para os jogadores, deixando as colocações exatas um pouco não claras para as recompensas” de acordo com o diretor de designer.

Falando em informações não claras, este também é um ponto em que a empresa vai trabalhar. O feedback da comunidade indicou que muitas funcionalidades não ficavam claras no Clash e que até faltavam alguns indicadores, então a Riot dará uma atenção especial para isso. De início, a empresa irá melhorar o sistema do cronômetro que mostra o tempo aproximado para sua próxima partida, baseado no tempo que seu adversário está em jogo. Outras mudanças como distinções mais claras para tipos de ingressos, esclarecimento de regras entre outros também serão implementados.

A empresa também irá trabalhar para ajudar os jogadores a experimentarem o modo. Muitos acabam não participando por falta de time ou incerteza de quando acontecerá  o campeonato. Para isso, a empresa irá implementar missões que oferecem ingressos para o modo como recompensa, além de deixar as notificações mais claras para os eventos.

Meddler disse que toda a equipe está trabalhando para que o Clash seja executado regularmente, melhorando o modo a cada torneio.

Veja também: Senna, Akali e Sett são nerfados no patch 10.3. Corki e Azir recebem buffs