A Riot está realizando algumas mudanças no sistema de conjuração de skills do League of Legends, mais especificamente quando essas são habilidades em área e estão fora de seu alcance máximo. Uma publicação feita pelo rioter Lutzburg no fórum oficial explica as alterações e quais os objetivos dessas.

Atualmente, quando você tenta usar uma habilidade em área fora do seu alcance máximo, faz com que o campeão se mova até a área mais próxima possível (e que seja possível usar a habilidade). Por exemplo, se você tentar usar o E do Varus em um local que ultrapassa o limite máximo de alcance da habilidade, ele começará a andar sozinho até uma distância mínima que seja possível usar essa habilidade na área desejada.

Skills - LoL

Com as mudanças que chegarão no PBE, um aviso de “restrito ao alcance de conjuração” e, se você tentar usar a habilidade fora do alcance máximo, ela será usada instantaneamente no alcance máximo permitido a partir do ponto que o campeão se encontra no momento.

De acordo com o rioter, a mudança tem como objetivo criar uma experiência de mira mais intuitiva e instintiva para os jogadores, aumentando a porcentagem de “casoss  de sucesso” quando as habilidades forem usadas. A equipe da Riot criou uma lista de critérios para ver quais habilidades poderiam se beneficiar dessas, e até o momento, 9 campeões sofreram mudanças. Veja a lista:

Heimerdinger – E e R+E
Miss Fortune – E
Singed – W
Twitch – W
Varus – E
Ziggs – E
Grangplank – E
Viktor – W
Syndra – Q

A publicação destaca que os três últimos campeões tiveram um impacto mais positivo nessa mudança. Os jogadores terão que se acostumar novamente com essa nova “mecânica”, mas “estamos dispostos a aceitar um pouco desse custo de aprendizado”, comentou o rioter. Caso as reações sejam mistas ou negativas, tudo pode ser facilmente revertido.

Veja também: Possíveis descrições das habilidades de Senna vazam na internet