- Publicidade -

A Vivo Keyd conseguiu duas vitórias na quinta semana do CBLoL e assim tomou a primeira colocação do Flamengo. Após a partida contra a paiN, Robo e Klaus conversaram com a imprensa e falaram da sequência de vitórias e como é estar no topo da tabela.

Ambos jogadores mostraram satisfação ao destronar os rubro-negros, que terminaram a semana sem nenhuma vitória. No entanto, Robo acredita que podia ser melhor.

“Desbancar o flamengo foi muito bom porque eles eram os líderes, mas infelizmente não foi o melhor possível porque o Luci não estava. Tecnicamente eles estavam desfalcados e não tem o mesmo gosto do que ganhar quando o Luci está, já que para mim ele é um cara que traz muita liderança e o time fica muito melhor quando ele está jogando. Não foi um jogo bom nosso nem deles, porém acredito que foi legal de assistir”.

Na sequência, Robo e Klaus falaram da sequência de oito vitórias, que teve início na segunda semana do CBLoL, quando a equipe estava 0-2, e se mostraram felizes com a evolução do time. Agora com o placar de 8-2, Klaus está pensando no mata-mata.

“Também estou bem feliz com essa sequência de vitórias, mas particularmente levo a fase de grupos como um torneio e os playoffs como outro. É legal ganhar e tal, ter várias vitórias seguidas, mas acho que o mais importante é estarmos treinando e evoluindo com a cabeça quase no mata-mata, ainda não totalmente porque não estamos garantidos. Para mim é muito bom estar ganhando, mas com um pé atrás porque eu sei que playoffs é um campeonato diferente”.

A vitória da Keyd sobre o Flamengo ficou marcada pela jogada de Klaus, que eliminou dois inimigos com a ultimate de Aphelios. O lance resultou em um debate entre os fãs nas redes sociais sobre o campeão estar desbalanceado. O atirador deu sua opinião sobre o caso.

“Eu estava pensando sobre isso também. Eu acho que ele está balanceado sim porque aquilo ali foi uma situação muito específica. O Aphelios não tem um early game tão bom, os primeiros níveis deles até são bons, mas com um item, dois itens, ele não é muito bom contra outros atiradores. Aquela situação ali eu estava full build, com eles [jogadores do Flamengo] muito juntinhos, é algo muito específico e dificilmente veremos acontecer de novo”.

Robo complementou a fala do companheiro de equipe: “A galera está esquecendo que ele critou na ult, pegou nos cincos e ainda tinha a alma do dragão infernal. Então, assim… ia matar uns 3 se fosse a ult antiga, no mínimo”, finalizou.

A líder Vivo Keyd jogará contra a INTZ na partida de abertura da semana 6, no sábado (14). Já no domingo (15), enfrentará a FURIA, também na primeira partida do dia.

Veja também: Após 12 vitórias consecutivas, Cloud9 perde a invencibilidade para a TSM