Em uma reedição da semifinal do MSI deste ano, SKT e G2 jogaram pela última vaga na grande final do Mundial 2019. A equipe europeia mais uma vez mostrou superioridade, vencendo a série e avançando para a decisão. Os samurais vão jogar em Paris contra a Funplus Phoenix em busca do título da competição.

No primeiro jogo a SKT teve um início de jogo forte, com pressão de Clid pelo mapa, conquista do Arauto e primeira torre nas mãos da equipe sul-coreana. Mesmo em uma pequena desvantagem, a G2 mostrava lutas melhores coordenadas e com isso ia recuperando a vantagem. A atuação de Perkz nas rotas laterais também foi fundamental, pois sempre que a T1 tentava alguma jogada, o mid laner estava levando as torres sozinho. Após uma luta aos 33 minutos perto do covil do Barão, os europeus conseguem um Ace e partem para a vitória do primeiro jogo.

Na segunda partida a SKT optou por escolher Yasuo para a rota inferior enquanto Perkz veio com seu EZ. Mais uma vez a equipe teve um early game avassalador, mas dessa vez não deixou escapar toda sua vantagem. Teddy e Khan ficaram bem fortes e fizeram diferença nas lutas em equipe, mas mesmo assim a G2 ainda conseguia se sair bem em algumas ocasiões. O controle de dois dragões da montanha foi fundamental para o time sul-coreano conseguir levar os objetivos do jogo. Aos 35 minutos Faker e companhia conseguem um ACE e fecham a partida, empatando a série.

No terceiro jogo foi a vez de termos o clássico embate na rota do meio: Orianna vs Ryze. Assim como fez desde o primeiro jogo da série, a SKT foi quem colocou pressão no início e conseguiu bastante recurso com isso. Na rota superior, Khan levava a melhor no 1vs1 contra Wunder, e isso fez com que o sul-coreano ficasse bem forte com seu Renekton. Mesmo com essa vantagem, a G2 também mostrava sua principal força: saber lutar muito bem em lutas 5×5. Perkz e sua Xayah fez toda a diferença nas lutas, e ao invadir a base da SKT, a equipe europeia conseguiu o engage que precisava em cima de Effort, eliminando quatro jogadores e partindo para a vitória.

A SKT chegava para a quara partida com muita pressão, pois precisava vencer para levar a decisão da série para o quinto e último jogo. A equipe novamente trouxe Mata como substituição para Effot, mas o suporte campeão mundial não conseguiu ter um bom impacto no jogo. A dupla Faker e Clid conseguiram uma boa vantagem no early e mid game, mas alguns erros em lutas e boas entradas do time europeu acabaram custando essa diferença em ouro. Aos 35 minutos a G2 consegue um ACE e parte para a base adversária, conseguindo a vitória do jogo e também da série.

A G2 enfrentará a FPX no dia 10 de novembro, em Paris. Você pode conferir a cobertura completa do Mundial 2019 aqui no Mais Esports.