- Publicidade -

Os esports estão em um crescimento muito acelerado e o principal fator para isso é o alto público que este segmento vem atingindo. A China é o país com maior número de consumidores para esse mercado, por isso os movimentos que acontecem lá são milionários. A Bilibili, site de compartilhamento de vídeos, quer adquirir os direitos de transmissão do Mundial de LoL por três anos, e está disposta a pagar um valor de 113 milhões de dólares.

De acordo com um relatório, a empresa possui um caminho bem pavimentado para conseguir os direitos do torneio localmente, saindo na frente de empresas como a DouYu, Huka e Kuaishou, que também possuem interesse no negócio. A informação foi divulgada pelo site chinês Beijing News.

É a primeira instância do processo para aquisição desses direitos, que irão durar até 2022. É válido lembrar que o próximo mundial já acontecerá na China, com final anunciada em Shanghai. Com a popularidade do LoL na região e o começo de uma dinastia chinesa com os dois últimos títulos mundiais indo para a LPL, é esperado que o torneio atinga números bem altos no próximo ano.

Esse não é o primeiro investimento da Bilibili nos esports. A empresa também possui um time chamado Bilibili Gaming, que participa da LPL. Eles também são donos da Hangzhou Spark, uma franquia da Overwatch League.

Veja também: Arábia Saudita receberá campeonatos que somam 2 milhões de dólares em premiação