Em anúncio publicado na tarde desta quarta-feira (23), a Riot Games comunicou que a Bad Boy Leeroy não irá mais produzir o Circuito Desafiante, a partir de 2020, e que a própria publisher quem irá operar o campeonato.

“Buscamos uma maior integração do Circuito Desafiante com os demais conteúdos do CBLoL e da Riot Games, dar mais destaque a estas histórias, trazer novos formatos e formas de acompanhar à transmissão, e continuar apresentando o Circuitão a cada vez mais jogadores da nossa comunidade”, explicou o rioter Cacophonie, líder de Esports da Riot no Brasil.

A Riot não comentou sobre a escolha da equipe de transmissão. A dupla de narração, Gruntar e Colosimus, se manifestou nas redes sociais, agradecendo as mensagens de carinho.

A holding foi responsável pela produção e sede da segunda divisão competitiva do League of Legends brasileiro durante o ano de 2019, após a Riot ser responsável pelo Circuitão no ano passado, depois da saída da Promo Arena.

Apesar da mudança, a BBL ainda é responsável pela realização da Superliga, o torneio de pós temporada que caminha para sua terceira edição este ano.