Conversamos com Pedro “LEP” Marcari, top laner da RED Canids Corinthians. A equipe está garantida na escalada do CBLOL e atualmente ocupa a segunda posição na competição.

Se inscreva no canal do Mais e-Sports e não perca os próximos vídeos:

Vocês fizeram um 2-0 sólido contra a Keyd. O que você tem a dizer sobre essa vitória?

LEP: Mesmo apesar do placar a gente sabe que a Keyd é um time muito forte. Tivemos uma preparação muito boa e conseguimos executar o que nós queríamos. Tudo que a gente treinou a gente jogou e deu tudo certo para nós.

Você havia falado sobre os problemas de comunicação na RED e hoje vocês mostraram um tempo de reação muito bom. O que mudou na comunicação?

LEP: Acho que se comparar com a primeira semana melhoramos muito. Desenvolvemos algumas palavras chaves e isso faz com que a gente fique mais ligado. É aquele inglês bem básico mas está funcionando e estamos melhorando também. Acredito que estamos nos esforçando mais para que cada um fazer mais do que 100% sabe? Se eu jogasse em um time só com brasileiros, talvez um cara poderia me chamar para uma jogada e eu fosse, mas agora eu fico muito mais atento ao jogo e isso faz a gente jogar bem melhor individualmente também.

O Revolta elogiou o Sky. Como está sendo jogar com ele?

LEP: Bom acredito que tanto o Sky quanto o Winged são ótimos. Mas o nosso time no geral está indo muito bem, a botlane está jogando muito, melhorando muito. Eu também estou melhorando muito comparado com as outras equipes com que eu joguei. Apesar do Sky ser um monstro, o nosso time é que está indo muito bem mesmo. Apesar dele ser muito bom, eu não acho que ele carrega a gente por exemplo.

Você estava “apanhando” no match up¹ de Ryze vs Vlad para o Yang e do nada você solou ele. Como foi isso?

LEP:  Para mim foi bem normal. Eu já tinha treinado essa match up¹ algumas vezes e sabia que caso ele tivesse alguma vantagem ele conseguiria por pressão. O Revolta ajudou ele no começo… Mas eu sabia que em team fights eu poderia fazer muito mais do que ele pois ele deve ter 20 soloQs de Ryze enquanto eu tenho umas 500 de Vlad. Então eu seria muito melhor em team fight, era só ter paciência e eu também sabia que teria um ponto onde eu venceria ele no 1v1 na side².

A escalada será com torcida. Está animado para jogar com a torcida?

LEP: Bom eu adoro jogar com torcida, sou jogador raiz então a gente gostava muito do grito da galera, o pessoal torcendo por nós. Para mim desde que virou estúdio foi muito triste na minha opinião. Mas com a galera gritando, se você faz uma jogada boa e eles gritam o seu nome… Até arrepia. Eu fico muito feliz em saber que vai ter plateia.

O que espera para o jogo contra a INTZ. Acha que o Ayel pode trazer algum pick estranho?

LEP: Acho que vai ser bem difícil. Apesar da INTZ não estar indo tão bem no campeonato, eles são um time muito forte. E acredito que o Ayel pode sim trazer alguma coisa esquisita mas pode ter certeza que eu vou estar bem preparado contra ele.

Legenda

1 – match up: Confronto entre dois campeões.
2 – side: O termo é utilizado para as rotas laterais (top e bot) do mapa.

*Entrevista realizada em parceria com Evelyn Mackus, repórter do Mais E-Sports.

Você pode conferir a cobertura completa do CBLoL 2018 com Tabela, data dos jogos e tudo mais, aqui no Mais e-Sports.