- Publicidade -

Conversamos com Pedro “LEP” Marcari, top laner da RED Canids Corinthians, após a vitória que decretou o rebaixamento da paiN Gaming para o Circuito Desafiante.

Se inscreva no canal do Mais e-Sports e não perca os próximos vídeos:

Instale agora o Battlerite

Vocês decretaram o rebaixamento da paiN. O que você acha disso?

LEP: Bom acho que para nós não tem nada de especial assim. Podia ser qualquer outra equipe que entraríamos para ganhar. O rebaixamento foi consequência do desempenho deles no CBLOL. Não acho que foi a gente que rebaixou a paiN, eles foram se rebaixando ao longo das semanas.

Você é muito amigo do Tin. Como foi para você jogar contra ele essa série?

LEP: Rebaixar o Tin é bem triste pois eu sei que ele é muito dedicado e muito bom. Na minha opinião, tirando o Sky obviamente, ele é o melhor mid do Brasil. Eu acho que ele só não se encaixou muito bom com o time da paiN, acho que ele tem um estilo de jogo bem diferente com o que a paiN joga e gosta de jogar. Não tem como um cara mudar completamente o time, acho que o time todo não se encaixou, não jogaram bem e acabaram caindo.

O Tin não foi tão bem nesse split, assim como a paiN toda. O que aconteceu?

LEP: Eu só acho que o time que pode precisar de mudar alguns jogadores. Talvez para ele ter mais responsabilidade, quando nós jogávamos juntos ele era que se comunicava muito, puxava as jogadas. Por isso ele era aquela grande estrela, nós sabíamos jogar ao redor dele. Na paiN eu acho que eles não jogam assim, ele joga mais para o time. Acho que se a paiN fizesse um time para jogar ao redor dele, eu acho que daria certo.

A paiN fez bons jogos no CBLOL. Você acha que eles mereciam ser rebaixados?

LEP: Acho que a paiN mereceu sim, pois se não merecessem eles não seriam rebaixados (risos). Acho que a Team One também bateu ali na trave também, as duas equipes estavam tentando cada vez mais se afundar. Mas acho que a paiN se afundou primeiro.

Você já está na semifinal? Qual time você está animado para enfrentar?

LEP: Eu acho que a CNB e Keyd são os times mais fortes. A Keyd pelo nome dos jogadores, são muito bons, já ganharam vários CBLOLs. A CNB está dando a volta por cima, aquele time meio zumbi que estava morrendo, caindo mas deram a volta por cima. É um time muito perigoso. A ProGaming é um time perigoso também mas olhando a última campanha deles, eles caíram muito de nível e eu não sei se eles irão se recuperar para uma MD5.

Leia: Yampi: “Acho que foi bom fraquejar no começo para ver os nossos erros mais graves”

Algum recado para a torcida?

LEP: Queria agradecer à todos que torceram! Continuem torcendo. A gente queria muito o primeiro lugar mas acabou que um deslize contra a KaBuM, a gente não conseguiu chegar logo na final. Vamos nos dedicar muito para sair daqui campeão. Continue torcendo, venha torcer aqui também no CBLOL com a gente. GO RED.

*Entrevista realizada em parceria com Evelyn Mackus, repórter do Mais E-Sports.

Você pode conferir a cobertura completa do CBLoL 2018 com Tabela, data dos jogos e tudo mais, aqui no Mais e-Sports.