- Publicidade -

Assim como já ocorre na Coréia do Sul, os times não terão apenas um treinador no palco durante os picks e bans na LCS NA. A liga americana está liberando a presença de um segundo coach ou analista a partir da sétima semana da competição.

De acordo com a Riot Games, a decisão partiu graças às conversas contínuas com os times que participam da liga. As equipes perguntaram se seria possível adição de mais um membro da Staff durante os picks e bans e a mudança será concedida.

A empresa está chamando o segundo treinador de “Strategic Coach” que estará ao lado do “Head Coach” no palco.

Por enquanto isto estará presente apenas na LCS NA e não irá se estender para as outras regiões e eventos internacionais como o Worlds. A Riot realizará um “piloto” na LCS NA e caso os resultados sejam positivos, o resto do mundo poderá seguir a mesma linha de decisão.

No Brasil as equipes que contam com coreanos (Flamengo, RED Canids e KaBuM) estão podendo utilizar tradutores durante os picks e bans. Na LCK (campeonato Coreano) é comum ver os times utilizarem mais de um treinador e em alguns casos este número chega a ser ainda maior.

Veja a cobertura completa da LCS NA 2018 no Mais e-Sports, clique aqui.