Gambit Esports conquistou no último domingo (30) a DreamHack Open Austin 2017. A equipe cazaque bateu na grande final os brasileiros da Immortals por dois mapas a zero, parciais de 16-12 (Train) e 16-12 (Inferno). Pelo título, a Gambit levou para casa 50 mil dólares, enquanto a Immortals embolsou 20 mil dólares pelo vice.

No primeiro mapa, Train, jogando do lado favorável do mapa, CT, a Immortals, mesmo após vencer o pistol round e os rounds antieco, não conseguiu segurar as investidas do time cazaque e virou o half vencendo por apenas um round de vantagem, 8-7. Na segunda metade do jogo, a Gambit fez exatamente o que a Immortals não conseguiu e mesmo com certa resistência da equipe brasileira, fechou a partida por 16-12.

No segundo mapa, Inferno, a Gambit começou eletrizante. A equipe cazaque, após vencer o round pistol, chegou a abrir 9-1 no marcador. A Immortals conseguiu se recuperar e no fim do primeiro half, o placar marcava 9-6. Na segunda parte da partida, a disputa foi muito equilibrada. A Gambit começou melhor e abriu 14-7 no placar, entretanto, a Immortals se recuperou mais uma vez e diminuiu a diferença para 14-12. Porém, a recuperação da Immortals acabou assim que a equipe “entregou” um round antieco que não podia.

Gambit, que não tinha nada a ver com isso, aproveitou do erro da equipe brasileira para fechar a partida por 16-12 e a série por dois mapas a zero e conquistar a DreamHack Open Austin 2017.

Este é o primeiro título da nova line-up da Gambit, que foi reformulada recentemente e vem jogando muito bem nos últimos meses. Já a Immortals segue em busca do seu primeiro título de expressão em 2017.