A G2 Esports publicou na última quarta-feira (17) um vídeo polêmico em seu canal no YouTube em que provoca todos os outros participantes do 2º split da LCS EU. O vídeo que convoca a torcida para assistir as semifinais da competição, traz os jogadores da organização caminhando pelas ruas e sempre que avistam o escudo de uma equipe rival, agem de forma totalmente provocativa.

Logo no início do vídeo, a primeira organização provocada é a Giants que tem um grande G2 vermelho pichado sobre o seu escudo. Logo em seguida, o mid-laner da G2 PerkZ, empurra um rapaz vestido com um casaco do Team Roccat.

Depois disso, ao receberem um panfleto com o símbolo da Splyce com os dizeres “Universal Choking Sign”, que no mundo do e-sport, seria algo como sinal universal de pipocar/tremer, o material é rasgado. Dando sequência, o mesmo PerkZ sai de um ônibus e pisa sobre o escudo do Schalke 04 estampada em uma sacola plástica.

A provocação continua com uma caneca da Unicorns of Love sendo arremessada ao chão por um dos jogadores da G2. A próxima “vítima” da G2 é a Team Vitality, que também tem um G2 pichado sobre a sua logo, juntamente com um dos players da G2 mostrando o dedo do meio em direção ao escudo.

A Origen também foi lembrada ao ter a sua logomarca pichada com um G2 vermelho. Já a fnatic, foi “homenageada” ao ter um boné com o seu símbolo sendo jogado longe. A grande polêmica do vídeo, ficou por conta da provocação à H2k Gaming, quando o top laner Expect urina em frente ao escudo pichada da organização.

É claro que o vídeo repercutiu nas redes sociais. O dono da G2 Esports, Carlos “ocelote” Santiago, comentou sobre o assunto: “Gostando da gente ou não, estamos aqui para fazer o e-sport ficar interessante”.

Já o também polêmico analista de e-sport, Duncan “Thorin” Shields não perdeu a oportunidade e também opinou sobre o assunto, dizendo que “é assim que uma organização deve dar trash talk”.

O vídeo também repercutiu no Brasil. O jungler da INTZ, Gabriel “Revolta” Henud, ironizou a situação, dizendo que se fosse uma organização brasileira fazendo o mesmo tipo de vídeo, a comunidade veria apenas como desrespeito e não como provocação.

A G2 Esports joga contra a Unicorns of Love no próximo domingo (21), a partir do 12h (horário de Brasília) em confronto válido pelas semifinais da LCS EU. Confira abaixo o polêmico vídeo: