A madrugada deste domingo (6) foi agitada para os amantes do Counter-Strike: Global Offensive. A final entre os dinamarqueses da Astralis e o FaZe Clan fez com que os fãs virassem a noite para acompanhar o que seria a vitória do selecionado europeu por 3 a 0.

FaZe Clan vence Astralis e conquista o título da Intel Extreme Masters Sydney 2018. Foto: HLTV.org

O primeiro mapa do confronto foi a Cache. Começando no lado Terrorista, a FaZe aplicou 10-5 e venceu a primeira metade. A Astralis não desistiu do jogo e deu o troco no lado atacante, levando a partida para a prorrogação. Na extensão da partida com 4-2 favorável à FaZe Clan, o mapa foi vencido por 19-17.

Na Overpass, o selecionado europeu começou no lado defensor. Mudou o lado, mas não mudou o placar. A FaZe venceu a primeira metade por 10-5 novamente e ficou próximo de fechar o mapa. Os dinamarqueses voltaram para a partida e, mais uma vez, a partida foi decidida na prorrogação. Dessa vez mais disputado, a FaZe conquistou o segundo mapa ao vencer a prorrogação por 7-5 e o mapa por 22-20.

No terceiro mapa, Train, era vencer ou vencer para a Astralis. No lado Contra-Terrorista, os dinamarqueses venceram com autoridade a primeira metade por 11-4 e deu algum alento aos seus torcedores presentes na arena. Contudo, a alcunha de “dream team” FaZe Clan não veio por acaso. Na virada de lado, o selecionado europeu foi pra cima e aplicou um sonoro 12-3 e conquistou a virada no jogo e, por consequência, o título da competição.

Confira a classificação final da competição:

POSIÇÃO EQUIPE PRÊMIO
FaZe Clan $100,000
Astralis $42,000
3º-4º mousesports, TyLoo $20,000
5º-6º fnatic, Renegades $10,000
7º-8º Cloud9, G2 $6,000
9º-12º NRG, MVP PK, Grayhound, Order $5,000
13º-16º Legacy, Chiefs, B.O.O.T-d[S], SK Gaming $4,000