No último domingo (9), a Team Liquid enfrentou a Cloud 9 pela final da LCS NA. A decisão da liga norte-americana tinha tudo para ser bem disputada e com jogos apertados mas dentro do jogo, porém, isso foi diferente. Com Yiliang ‘Doublelift’ Peng e sua equipe fazendo jogos sólidos e com poucos erros, TL venceu a série por 3 a 0 se consagrou campeã com certa facilidade.

Logo após a série, o AdCarry recebeu o MVP da regular season – a fase de jogos MD1 que antecedem os playoffs – e concedeu uma entrevista no palco após a vitória da Team Liquid.

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Doublelift é eleito MVP da #NALCS 2018

Uma publicação compartilhada por Mais e-Sports (@maisesportsbr) em


Você já ganhou um título antes, vai ao Mundial novamente mas essa semana ganhou seu primeiro MVP. Você esperava ganhá-lo? O que isso significou para você?

Doublelift: Eu acho que de todos os anos, é estranho ganhar dessa vez. Eu não sinto que eu tenha sido tão especial assim durante o split regular mas as pessoas sempre estavam falando sobre isso dizendo que ou seria eu ou Ssumday ou Licorice o vencedor.
Eu sei que, no geral, você nunca vai lembrar do MVP. Eu acho que ninguém saiba de cabeça quem foi o MVP da sétima temporada. Provavelmente foi o Bjergsen (risos). Creio que seja algo mais pessoal e que eu estou muito orgulhoso de mim mesmo já que posso dizer pelo resto da minha que já fui MVP. Mas não é a maior conquista que você pode alcançar e as pessoas não vão se lembrar muito disso.

Você já foi ao Mundial várias vezes e o NA desapontou várias vezes. O que a Team Liquid vai mudar pra ter certeza de que esse ano será diferente?

Doublelift: Eu não tenho uma boa resposta para isso. Sinto que nós (Norte América) sempre temos planos de ataques diferentes mas que se esgotam já na primeira semana de campeonato. Nós do NA sempre vamos bem na primeira semana e os fãs esperam que alcancemos 2-1 ou 3-0 mas na segunda semana isso vai por água à baixo. Eu acho que dessa vez nossa staff é a melhor que eu já tive na minha vida. Creio que eles vão poder nos manter juntos e focados. Não acho que o problema do NA seja que nossas habilidades não são altas suficiente mas sim que não mudamos as estratégias da semana 1 para a semana 2.

Dodo (Coach): E agora não terá mais semana 2.

Durante o discurso de MVP, você disse que nunca se sentiu num time antes desse ano. Bjergsen olhou pra você nesse momento, isso foi engraçado. Você e Olleh falaram sobre vocês tendo alguns problemas esse split e com a mudança de meta houveram algumas dificuldades com a equipe e a sinergia. Você acredita que ter passado por isso foi onde vocês se encontraram e ficaram aptos a acreditar um no outro?

Doublelift: Eu acho que o que passa invisível e as pessoas não veem é que nós lutamos muito um com o outro e que tivemos muitos dias terríveis onde todos estavam frustrados, isso parecia que o time não iria a lugar nenhum e que todos tinham algo em mente que queriam dizer mas isso era muito ofensivo para dizer. Sei que todos times tem isso e nós tivemos vários. É realmente muito difícil, difícil para praticar e temos muitas opiniões fortes. Nós somos veteranos, temos hábitos diferentes.
Nessa equipe, algo muito bom é que todos podem confiar no Cain (coach), ele é muito inteligente. Na verdade, várias vezes eu disse para ele que queria jogar com um campeão mas ele mandou eu escolher outro e nós ganhamos. Com o tempo eu aprendi a confiar nele. Tem vários aspectos muito bons nesse time. Quando lutamos na botlane, Eugene e Impact simplesmente dão TP, a gente não precisa chamá-los. Eles simplesmente fazem isso instantaneamente.
Não sei, todo mundo está tomando cuidado um pelo outro. Nós sempre decidimos as rotações rapidamente, e se não tomamos, é realmente um grande problema. Em outros times um toma cuidado pelo outro mas não tanto quanto aqui.

Há uma thread no Reddit, uns dias atrás, sobre a declaração do sOAZ [Top laner da Fnatic] que disse querer jogar enquanto você ainda estiver jogando. Você já parou pra pensar sobre esse tempo finito que tem como proplayer e quando tempo isso ainda irá durar?

Doublelift: Na verdade, isso é insano. Nós temos vários veteranos que estão aqui desde o começo, mas eu tenho 25 e no CS:GO e jogos de luta, esta é a idade média em que os jogadores alcançam o seu auge.
Eu não penso muito sobre isso. “Oh, não, eu não tenho muito tempo restante”. Eu sempre sinto como se eu tivesse muito para evoluir e eu nunca parei de evoluir. Então, quando isso acontecer, eu vou sentir como se tivesse uma parede branca na minha frente. Isso significa então… que eu vou continuar jogando até uns… 90 anos.

Tem quatro times nos qualificatórios do NA. Quem você acha que é o favorito ao terceiro seed?

Doublelift: Vamos Clutch! (Risos). Eu acho que a C9 é provavelmente a melhor equipe, justamente porque eles já venceram a TSM para chegar à final e pensando nisso, 100 Thieves já perdeu pra TSM que já perdeu pra C9 e eu não sei quando a Clutch perdeu mas isso foi um tempo atrás.
Eu acho que a Cloud 9 é realmente muito forte mas a outra coisa sobre isso é que o momento é algo muito importante e a TSM quase teve uma vitória recentemente e eles vêm quente. Já a C9 vem de uma derrota muito pesada. Mentalmente, talvez a TSM esteja em melhor forma. Eu não me importo muito com quem vai ganhar, eu só quero vê-los lutar.

Foto: Riot Games

Vocês arrebentaram nas últimas semanas da LCS NA mas indo ao Mundial é um jogo diferente. Você pretende evoluir em algo específico ou é só questão de manter o que tem feito?

Doublelift: Se alguém assistisse nossas scrims, pensariam que somos horríveis. Nós jogaríamos muito mal realmente nos treinos porque há muito para evoluir e praticar. Mas todos nós já tivemos no Mundial e sabemos como é ser o melhor time do NA, chegar lá e sermos humilhados.
MSI é um bom exemplo. Nós scrimamos com a Gambit, que não é de uma região ruim, mas é inferior e eles foram muito bem. Eu acho que nós fomos 50-50 nas scrims ou até perdemos para eles.
Então, quando vamos ao Mundial, é bem importante aprender com todos os times que nós iremos enfrentar. Nós não podemos continuar o mesmo que nós somos agora. Nesse momento, eu acho que somos muito bons mas os melhores times do Mundial são duas vezes mais qualificados que nós, então temos bastante para aprender.

No passado, você disse de como estar um pouco nervoso para enfrentar jogadores como Uzi, PraY em lanes complicadas. No MSI, vocês chegaram à vencer a RNG. Isso acabou com esse seu nervosismo?

Doublelift: Eu fico nervoso quando eu jogo contra jogadores tier-god como Uzi ou se estou enfrentando times como a KingZone ou SKT quando eles estão em um bom momento. Eu não estou nervoso no palco, só é ruim ter que jogar contra eles tão cedo. Sei que tem coisas que eu não posso levar comigo, como por exemplo jogar muito agressivo contra o Uzi porque ele vai me punir. Eu acho que a pressão é que se eu cometer um erro, ele vai capitalizar isso e isso é bem difícil já que mais ninguém vai fazer isso como ele.
Eu acho que superei isso depois de um tempo. Eu costumava ficar bem nervoso jogando contra os melhores AD carries mas agora sinto que preciso jogar o meu jogo e me atentar aos erros deles do que ser defensivo e tentar limitar o que estou fazendo.

Mundial terá início no dia 1° de Outubro e terá cobertura do Mais e-Sports. Você pode apostar nos jogos da competição através da Betway!