Danil “Dendi” Ishutin e Kenny “Xepher” Deo não fazem mais parte da equipe de Dota 2 da Tigers. A organização do Sudeste Asiático anunciou a saída dos jogadores nesta segunda-feira (22), após o time não conseguir os resultados esperados.

Dendi havia se juntado a Tigers em janeiro de 2019 após ser emprestado pela Natus Vincere. Pela a equipe asiática, o ucraniano teve como principais feitos a vice-colocação tanto da BTS Spring Cup: Southeast Asia quanto da Cobx Masters 2019 Phase II. O jogador ainda não tem seu futuro definido e disse em nota oficial que irá tentar algo novo. 

“Obrigado por me darem a oportunidade de jogar no Sudeste Asiático pela Tigers. Foi uma ótima experiência e me diverti bastante. Infelizmente nossos resultados não foram muito bons então decidi tentar algo novo. Eu espero que a organização possa encontrar o sucesso e que ela consiga alcançar seus objetivos”.

Já Xepher estava na Tigers desde que a organização foi criada, em setembro de 2018 e conseguiu vencer a DreamLeague Season 10, primeiro minor da atual temporada do Dota Pro Circuit. Mesmo conquistando a vaga, o desempenho de sua equipe no major de Kuala Lumpur deixou a desejar e seu time terminou o torneio na última colocação.

Não se sabe ao certo o motivo da saída de Xepher da equipe, porém a organização já estava atuando com substitutos tanto para ele quanto para Dendi na Betway Asian Dota 2 League.

O manager da Tigers, Dawei “Xero” Teng, também comentou a saída dos jogadores de sua equipe.

“Dar adeus aos nossos jogadores sempre foi a parte mais difícil de ser um manager, ainda mais com a saída de Kenny e Danil. Será muito difícil achar substitutos para esses jogadores, mas vamos continuar seguindo em frente. Tivemos uma ótima experiência trabalhando com Dendi e Xepher e desejamos todo o sucesso do mundo no futuro para eles”.

Com as mudanças, confira como ficou a line-up da Tigers:

  • Kim “Velo” Tae-sung
  • Trịnh “458” Văn Thọ
  • Sivatheeban “1437” Sivanathapillai